R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

24 de Abril de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias

Icone de Agenda do Dia Agenda do Dia

publicado em 22/08/2012 às 18h50: atualizado em: 22/08/2012 às 18h50

Galeria Olido recebe espetáculos de dança

Quatro trabalhos concebidos por bailarinos da companhia Balé da Cidade serão apresentados, entre os dias 23 e 26 de agosto, na Sala Paiçandu

Do R7
  • Texto: 
  • Aumentar a fonte da matéria
  • Aumentar a fonte da matéria

Qualquer relacionamento, dizem os psicólogos, torna-se mais maduro quando uma das partes desenvolve a capacidade de se colocar no lugar da outra. Com base nessa premissa, Lara Pinheiro, diretora artística do Balé da Cidade de São Paulo, tem dado ênfase, há três anos, ao projeto Experimentos Coreográficos, no qual bailarinos da companhia criam espetáculos para serem dançados por seus colegas. Dos dez trabalhos concebidos este ano, quatro serão apresentados, entre os dias 23 e 26 de agosto, na Sala Paiçandu da Galeria Olido.

Uma das coreografias, Aquele que Vê, é assinada por Liliane de Grammont, que, além de bailarina, é psicóloga com especialização em Reich e Psicanálise Lacaniana. Seu foco é o voyeurismo. “Estamos sempre vendo e sendo vistos”, afirma ela. “Assim, utilizando um cenário sóbrio, cadeiras vazias, uma trilha sonora instigante, com os homens em trajes antigos e as moças de roupas íntimas, quero que a plateia tenha a sensação de que, ao mesmo tempo em que vê, é observada por quem ela olha.”

Henrique Lima, em No’ Toque, procura transformar os bailarinos –todos unidos por fios– em componentes de uma bateria eletrônica. “Minha intenção é fazer ressoar, vibrar e expandir os movimentos, amplificando os corpos no espaço, num jogo de dinâmicas variáveis”, diz o coreógrafo.

Fernanda Bueno é mais singela em sua concepção de Em Tempo. Segundo ela, o trabalho procura fazer uma reflexão do porquê, quase sempre, a dor, e não o prazer, é o agente transformador em nossas vidas. “Não deveria ser necessariamente assim. Por isso, em ritmo de festa e brincadeiras lúdicas, proponho que encaremos poeticamente as mudanças pelas quais temos de passar”, conta.

Já Papillon, de Igor Vieira, reflete sobre a relatividade da vida e das coisas. “Imobilizado após uma cirurgia delicada, assisti a um documentário sobre borboletas e tentei coreografar algo que, mostrando o ciclo de vida delas, nos fizesse pensar em quão frágeis e efêmeros também somos”, revela o bailarino.

Serviço
Experimentos Coreográficos
Data: 23 a 26 de agosto
Horário: quinta-feira a sábado, 20h; Domingo, 19h
Local: Galeria Olido – Sala Paiçandu
Endereço: Av. São João, 473, Centro
Grátis (retirar ingresso uma hora antes)
Tel. 3331-8399 e 3397-0171

Veja outros fatos que acontecem nesta quinta



 

 


Shopping
Monitor Monitor Wal-Mart R$ 348,00
Fogão Fogão Mania Vi R$ 580,41
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 299,00
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 449,00