O Tribunal Superior Eleitoral inicia esta semana rodadas de esforço concentrado para fazer frente à avalanche de pedidos de impugnações de candidaturas e de recursos, a maioria provocados pela Lei da Ficha Limpa. Estão previstas sessões extraordinárias todas as quartas-feiras ao longo do mês de setembro, além das ordinárias, que acontecem às terças e quintas.

O desafio não é pequeno: estão na fila aguardando julgamento pelo TSE nada menos que 1064 recursos que tentar validar ou invalidar candidaturas. Os argumentos são os mais variados, mas a adoção da nova lei aumentou significativamente o volume de reclamações à Justiça Eleitoral.

Mutirão – O presidente do Tribunal, Ricardo Lewandovski  promete empenho para evitar que a insegurança jurídica tome conta do processo eleitoral: “vamos fazer um mutirão para julgar tudo o que vier para os gabinetes dos relatores”, promete o ministro.

Veja mais:

+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

+ Fique ligado nas Eleições 2010