A candidata do PT, Dilma Rousseff, lança hoje seus treze compromissos públicos - que resumem suas principais diretrizes de governo. O portal R7, por meio deste blog, teve acesso em primeira mão à versão preliminar do documento.

Os três primeiros compromissos que encabeçam a lista são democracia, crescimento e continuidade. Ao esclarecer o primeiro item, a democracia, o documento destaca a "garantia irrestrita da liberdade religiosa, de imprensa e de expressão"- focos de recentes críticas que afetaram a campanha petista.

Mas a lista também inclui destaque especial à classe trabalhadora. Nesta altura, o documento afirma que o governo Dilma "protegerá o emprego e a renda dos trabalhadores" e combaterá as "manifestações residuais de trabalho escravo". E acena para as bases sindicais do PT ao assegurar que "manterá diálogo permanente com os sindicatos para definir as grandes linhas das políticas trabalhistas".

Segurança pública e meio ambiente ficaram no fim da lista dos treze compromissos, ocupando respectivamente a décima primeira e décima segunda posições. No caso da segurança pública, Dilma promete dar "continuidade à reforma iniciada pelo Ministério da Justiça" de Lula, fortalecer o Pronasci e a expandir os Territórios da Paz, além de reformar a legislação processual penal e o sistema carcerário.

No tópico do meio ambiente, a petista promete que o Brasil desempenhará "papel exemplar na construção de um modelo de desenvolvimento ao mesmo tempo sustentável e includente". Prevê a proteção de biomas, especialmente a Amazônia, o cerrado e a mata atlântica, mas considera fundamental o prosseguimento de obras do PAC para "ampliação da oferta de água, esgotamento sanitário, coleta e processamento de lixo nas cidades brasileiras".

Veja a seguir os tópicos dos 13 Compromissos Programáticos de Dilma Rousseff:

1. Expandir e fortalecer a democracia política, econômica e social;

2. Crescer mais, com expansão do emprego e da renda, equilíbrio macroeconômico, sem vulnerabilidade externa e desigualdades regionais;

3. Dar seguimento a um projeto nacional de desenvolvimento que assegure grande e sustentável transformação produtiva do Brasil;

4. Erradicar a pobreza absoluta e prosseguir reduzindo as desigualdades. Promover a igualdade, com garantia de futuro para os setores discriminados da sociedade;

5. Governo Dilma será de todos os brasileiros e brasileiras e dará atenção especial aos trabalhadores;

6. Educação para a igualdade social, cidadania e desenvolvimento;

7. Transformar o Brasil em potência científica e tecnológica;

8. Universalizar a saúde e garantir a qualidade do SUS;

9. Cidades: habitação, saneamento, transporte e vida digna e segura para os brasileiros;

10. Valorizar a cultura nacional, dialogar com outras culturas, socializar os bens culturais e favorecer a democratização da comunicação;

11. Combater o crime e garantir a segurança dos cidadãos;

12. Defender o meio ambiente e garantir um desenvolvimento sustentável;

13. Defesa da soberania nacional. Por uma presença ativa e altiva do Brasil no mundo.

Veja mais:

+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7