O presidente Lula completa hoje 65 anos e terá pelo menos três comemorações neste que é o seu último aniversário no cargo de presidente da República. Lula, que tem duas datas de aniversário – a de nascimento, seis de outubro, e a de registro, vinte e sete de outubro, vai receber primeiramente as homenagens dos funcionários do gabinete da presidência.

Tradicionalmente, Lula também comemora a data com militantes do PT. Por volta das sete e meia da noite, os petistas devem levar à porta do Palácio da Alvorada um grande bolo, camisetas vermelhas, bandeiras e cornetas. O presidente costuma sair para cumprimentar a militância.

Dona Marisa também providenciará uma  recepção à noite, para receber ministros, correligionários e amigos mais próximos de Lula. Normalmente a ocasião é discreta, para poucos convidados, e costuma provocar ciumeira em quem fica de fora.

A brincadeira entre petistas próximos ao presidente é que ele agora vai poder desfrutar das “vantagens” de ser idoso: ao completar 65 anos, ganha o direito a andar de graça em transporte coletivo, vaga especial em estacionamentos, meia entrada em cinema e em espetáculos em geral e a atendimento preferencial no SUS.

Além disso, dentro de 65 dias, Lula entra para o clube de ex-presidentes vivos do Brasil: ao lado de FHC, Collor, Sarney e Itamar. Mas, ninguém se engane, mais do que qualquer outro, vai continuar dando boa parte das cartas no jogo político.

Veja mais:

+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7