Caso o governador Fernando Pimentel (PT) não vá para a reeleição, ele teria grande chance de se eleger para uma das duas vagas que estarão em jogo para o Senado no ano que vem, no que dependesse dos eleitores de Betim e Contagem, os dois maiores colégios eleitorais da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

De acordo com dados do levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisas nesses dois municípios, se as eleições para o Senado fossem hoje, Pimentel teria 39,4%  das intenções de voto em Betim, e 35% em Contagem.

Uma dianteira considerável sobre os demais hipotéticos candidatos que encontram-se em situação de empate técnico.

O vice-governador Antônio Andrada (PMDB) aparece em segundo lugar na sondagem, com 10,4% e 11,4% das intenções de voto, respectivamente, em Betim e em Contagem, seguido pelo ex-governador Alberto Pinto Coelho (PP), com 9,5% e 9,5%  das intenções; pelo deputado federal George Hilton (PROS), com 8% e 10,8%, e pelo também deputado federal Marcus Pestana (PSDB), com 7,7% e 10,1%.

O percentual dos que disseram que não votariam em nenhum dos candidatos apresentados somou 31,5% em Betim e 35,3% em Contagem. Já os que os que não souberam dizer representaram, respectivamente, 9,7% e 7,4% do eleitorado pesquisado.

A Paraná Pesquisas entrevistou 700 eleitores em Betim e outros 700 em Contagem. A pesquisa de campo em Betim ocorreu entre os dias 12 e 15 de julho, e a de Contagem entre os dias 14 e 16 de julho. A margem de erro é 4% e o grau de confiabilidade de aproximadamente 95%.

Intenções de voto para o Senado (Betim)

Pimentel - 39,4%

Antônio Andrada - 10,4%

Alberto Pinto Coelho - 9,5%

George Hilton - 8%

Marcus Pestana - 7,7%

Nenhum - 31,5%

Não Sabe - 9,7%

Intenções de voto para o Senado (Contagem)

Pimentel - 35%

Antônio Andrada - 11,4%

George Hilton - 10,8%

Marcus Pestana - 10,1%

Alberto Pinto Coelho - 9,4%

Nenhum - 35,3%

Não sabe - 7,4%

Fonte: Paraná Pesquisas