As consequências do desastre ocorrido em Mariana serão debatidas no Senado em sessão temática marcada para esta quarta-feira (25).

Deverão participar, os governadores Fernando Pimentel (MG) e Paulo Hartung (ES), a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, prefeitos das regiões atingidas, além de ambientalistas e representantes da Samarco (Vale/BHP Billiton) - a mineradora responsável pela barragem de rejeitos de minério que se rompeu no começo deste mês e provocou um dos maiores desastres ambientais do país.

De acordo com o senador Jorge Viana (PT- AC), o debate permitirá discutir mudanças na atual legislação sobre a fiscalização das barragens, bem como os prejuízos causados pela tragédia de Mariana e as penalidades impostas à Samarco.