distrito federal

O pior camarote do mundo!!

Conheci outro dia o pior camarote do mundo.

Quando alguém fala que vai assistir a um show de camarote você pensa logo no melhor lugar.

Mas não é bem assim, pelo menos, no Centro Internacional de Convenção do Brasil , ali pertinho da Ponte JK.

Estive lá para assistir ao show do violeiros: Almir Sater, Sergio Reis e Renato Teixeira

O tal do camarote é simplesmente o pior lugar pra se assistir a alguma coisa.

Longe do palco, lateral, sem cadeiras e serviço péssimo.

Sem falar no banheiro que fica a mais de mil metros do tal camarote.

Uma vergonha.

A propósito – o que eu achei do show?? Não deu para assistir, fui embora antes de acabar.

E quem pagou pelo camarote estava lá xingando e reclamando muito.

Eu não paguei, fui convidado.

É o tal ditado: quem pede não escolhe e tem que aceitar.

E se fosse o Brasil?

Chile e Argentina fazem a final da Copa América/2015.

Comandados por Messi, os argentinos despacharam o time do Paraguai, que eliminou o Brasil .

E depois do show de 6 a 1,  muita gente ficou se perguntando: E se fosse o Brasil??

Ninguém tem essa resposta, mas iríamos perder com certeza. Sem Neymar, nosso time é comum, fraco.

E pra piorar ainda mais, nada muda no comando do futebol brasileiro.

Perdemos , perdemos e nada acontece. Dunga está mantido.

Acho que vamos continuar jogando feio e, o pior, perdendo.

É bom ter cuidado com as eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, que estão chegando.

Se não  mexer, vamos ficar fora .

Pode escrever!

O Golpe do Sexo!!!

A reportagem exclusiva do Balanço mexeu com a cidade e a polícia já está apurando.
É o golpe do sexo.
Acontecia assim:
O cara conhecia as mulheres nas redes sociais, selecionava as candidatas e fazia uma proposta.
Pagava três mil reais para a gravação de um vídeo pornô.
Para mostrar que o negócio era sério ele mostrava o recibo do deposito na conta da vítima.
Enganadas as mulheres gravavam o vídeo que foi parar nas redes sociais.
Após a denúncia no Balanço outras vítimas apareceram.

Assista às reportagens no R7 DF – vídeos do Balanço.

A VOLTA DO GAMÃO DO POVÃO !!!!

Com 24 mil pessoas no Mané Garrincha, o maior público do Campeonato Brasiliense/2015, o Gama venceu por um a zero o Brasília e ficou com o titulo do Candangão/2015.

Na primeira partida da final o time fez três a zero.

Vitória merecida de um time que estava na fila a doze anos.

Agora o Gama ganha vaga na serie D do Brasileiro e disputa a Copa do Brasil do ano que vem.

Parabéns ao verdão do cerrado que tem uma torcida aguerrida que sempre prestigia e precisava mesmo de uma alegria.

Brasília 55 anos!!

Esse ano resolvemos fazer diferente no Balanço Geral.

Convidamos para falar da nossa cidade, no aniversário de 55 anos , cinco alunos da rede pública de ensino e cinco alunos da rede particular.

Todos no 3º ano do ensino médio .

Foi um papo bem legal. Falamos do futuro e de nossos principais  problemas: saúde, educação , transporte e segurança.

Clique aqui e assista a entrevista no R7/DF – vídeo do Balanço.

A Corrida do Coração!!!!

Com o País em crise não é fácil manter uma corrida de rua por dez anos.

A tradição se confirmou mais uma vez com o esforço da direção do grupo Supercei e de vários parceiros.

Pelas ruas de Ceilândia mais de três mil pessoas numa prova considerada perfeita pelos atletas de ponta e os amadores.

A corrida do coração já faz parte dos festejos de aniversário de Ceilândia, que esse ano completou 44 anos.

Assista a reportagem da corrida no R7-video Balanço Geral.

Um dia especial!!!

Hoje no dia do meu aniversário faço dez anos de Record Brasília.

Cheguei para comandar o Esporte local na emissora.

Foram dois anos de um projeto muito bacana e depois veio o convite para o Balanço Geral.

São oito anos à frente do BG, um programa que veio literalmente “balançar’’ a audiência e fazer a diferença na vida de tanta gente.

Queria nesse dia tão especial agradecer a todos as pessoas envolvidas nessa jornada que emociona milhares de pessoas todos os dias.

Muito obrigado pela parceria. Televisão é essencialmente um trabalho de equipe.

Agradecer a Deus, porque sem Ele nada seria possível, a minha família linda (minha esposa Tatiana e os meus filhos Pedro Henrique e Arthur) e a direção da Record pela confiança.

É só subindo e não para de subir !!!!

O descaso com o cidadão brasiliense

Tem coisas que não consigo entender.

O Balanço Geral mostrou nesta segunda-feira (16) uma reportagem na Estação Asa Sul do Metrô, que fica em frente a um ponto de saída de ônibus, uma mini-rodoviária. Lá, segundo os rodoviários , tem nove anos que ninguém faz uma obra pra tapar os buracos das pistas. E quando chove a situação piora ainda mais.

A situação fica  mais grave para as pessoas portadores de necessidades especiais.

Mostramos o caso do Leonardo, deficiente visual que, mesmo contando com a ajuda do seu cão guia, levou um tombo ao passar por essa via toda esburacada.

E  não adianta reclamar, ninguém resolve o problema.

O vigilante disse que a "mini-rodoviária" esta sem chefia – "ainda não foi indicado".

E depois da reportagem, a Novacap prometeu  tapar os buracos, só não falou  quando.

Aí não adianta.

Clique aqui e veja a reportagem completa exibida Balanço Geral.

Rainha anuncia que vai assentar 100 mil pessoas no DF

Depois de muito tempo fora da mídia José Rainha, líder da Frente Nacional de Luta, disse a repórter Francy Rodrigues do Balanço Geral que irá assentar no DF cem mil famílias.

A área escolhida fica entre o Recanto das Emas e Santo Antônio do Descoberto, na região do Entorno.

Mais de sete mil famílias já estão cadastradas e os primeiros barracos já estão sendo construídos.

A Terracap informa que não é a dona da terra e ninguém sabe dizer quem é o dono.

A Polícia Militar do DF apenas vigia a área.

Não perca a reportagem completa na edição de hoje do Balanço Geral.

O grito de Águas Claras

Na TV, o pronunciamento da Presidenta Dilma; nos apartamentos e ruas de Águas Claras, o protesto dos moradores.

Não deu nem pra prestar a atenção no que a presidenta estava falando no Dia Internacional da Mulher. O protesto dos moradores estava bem mais alto.

Faltou panela na cozinha. Buzinaço e gritaria nas janelas.

Em  12  anos, ninguém tinha visto nada igual na cidade .

Foi um dia histórico.