1
outubro
06h00

Nada de ficar choramingando! Avance na carreia

Ter pensamentos negativos sobre sua vida e ficar choramingando só vão levá-lo a ter mais dificuldades para encontrar um emprego legal ou ser promovido. Já parou para pensar quantas vezes ficou reclamando por ficar anos e anos na mesma função dentro da empresa ou que nunca te chamam pra uma entrevista de emprego?

Preste atenção

1
Reclamar, choramingar e ter atitudes negativas só destroem a autoestima.
2
Pare e analise o seu comportamento derrotista.
3
Não seja negativo, pense positivo para ter sucesso.

R7 Chorar na frente do chefe 200x300 Nada de ficar choramingando! Avance na carreiaEsse tipo de postura apenas vai contribuir para que sua carreira fique estagnada. Ter atitudes negativas em relação a si próprio acabam destruindo ainda mais sua autoestima e o empurrando pra baixo. Pior, te impedem de olhar para o que está realmente emperrando sua ascensão. Por isso, nada de ficar reclamando o tempo inteiro e se colocar na postura de vítima, ao achar que nada vai acontecer.

Você se sente derrotado? Saiba que esse é um passo para que as coisas de fato não aconteçam. Lembre-se que enquanto você fica justificando a falta de oportunidades, deixa de descobrir quais as razões que o levam a não dar um salto no emprego ou encontrar algo melhor.

O mesmo acontece quando se está concorrendo a uma vaga e o que vem à cabeça são pensamentos negativos de que não vão te contratar, que tem muita gente melhor disputando aquele emprego e por aí vai. Sentimentos de derrota podem atrair o insucesso. Já pensou nisso? Então, nada de atitudes negativas. Acredite em si mesmo e passe a ver as coisas acontecerem pra você!

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
29
setembro
06h00

Dicas para se dar bem no primeiro emprego

As empresas estão cada vez mais exigentes.  Querem profissionais com experiência, inglês fluente e pós-graduação, entre outras coisas. No entanto, quando se está batalhando pelo primeiro emprego experiência e pós-graduação são pré-requisitos que você certamente não terá. Mas isso não é o fim do mundo.

Preste atenção

1
Não se desanime ao procurar seu primeiro emprego.
2
Garra, vontade de aprender, crescer profissionalmente são qualidades procuradas pelos entrevistadores
3
Não descarte as oportunidades, mesmo que não sejam da sua área.

R7 Emprego ok 300x217 Dicas para se dar bem no primeiro empregoAs empresas contratam pessoas para vários tipos de vagas e há muito mais emprego pra quem está começando do que para quem está no meio da carreira. Portanto, procure mostrar garra e vontade de aprender, crescer com a empresa, ter uma oportunidade. Ter idiomas já facilita o processo, assim como uma boa faculdade.

Estágio também conta bastante ou mesmo algum emprego fora da área. Procure encontrar em bicos ou outro tipo de atividade desenvolvida habilidades que você desenvolveu e que possam contribuir para essa empreitada. Capacidade de trabalhar em equipe, pro atividade, facilidade de comunicação, poder de negociação são exemplos que devem ser explorados numa entrevista de emprego.

Não esqueça que tudo é válido na vida e as empresas valorizam muito esses aspectos comportamentais. Vá em frente e não esmoreça!!

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

 

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
26
setembro
06h00

Não queime o filme ao buscar emprego estando empregado

Buscar um ambiente de trabalho menos estressante ou um salário maior. Nada mais justo do que estar de olho no mercado. Mas como fazer isso estando empregado? Antes de sair por aí chutando o pau da barraca na hora de procurar um novo emprego, tenha cautela e seja ético.

Preste atenção

1
É preciso ter alguns cuidados se resolver procurar emprego estando empregado.
2
Não faça entrevistas no horário do trabalho.
3
Não troque de emprego por salário. Considere salário e progresso profissional.

R7 Mudar de emprego 225x300 Não queime o filme ao buscar emprego estando empregadoEvite enviar seu currículo do e-mail de trabalho. O ideal é mandá-lo do e-mail particular e nunca no horário de expediente. Foi chamado para fazer uma entrevista de emprego? Evite marcar no horário do expediente. Tente antes ou depois do horário de trabalho, ou ainda, na hora do almoço.

Na hora da entrevista, seja sincero. Diga que está trabalhando e mostre os motivos de estar se candidatando à vaga. Jamais fale que a razão de querer uma nova colocação é obter um salário maior. Fale de sua falta de perspectiva onde está (se for o caso) e que busca novos desafios na carreira.

Além disso, nada de marcar encontros em lugares públicos. A chance de ser visto por um colega ou conhecido é enorme. Seja discreto e procure manter a confidencialidade do processo. Fique atento!

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
24
setembro
06h00

Você é competitivo?

A competição no ambiente de trabalho está ficando cada dia mais complicada, aliada à falta de caráter de certas pessoas. Muita gente acha que prejudicar os colegas vai levá-lo a subir mais rápido. Como resolver o seu problema? O chefe atento deve perceber a situação e dar um jeito.

Preste atenção

1
Ser competitivo não é prejudicar o seu colega de trabalho.
2
Faça o seu trabalho como deve ser feito, mostre seu talento.
3
Não deixe que colegas desonestos destruam a sua carreira.

R7 Executivo idade 300x225 Você é competitivo?Se o chefe não estiver nem aí ou não se tocar sobre o que acontece, vejo duas providências que você pode tomar. A primeira é ter uma conversa franca com os seus colegas, fazendo ver que eles estão te prejudicando e prejudicando o patrão também. Seria uma conversa educada mas com firmeza.

A segunda providência é prestar o máximo de atenção ao seu trabalho, fazer tudo bem feito e mostrar o quanto você é capaz. Eles não te deixam trabalhar? Dê um jeito de driblar esse problema, mesmo que para isso seja necessário dar um chega pra lá em algum de seus colegas. Não tenha receio de enfrentar e se impor. Você precisa se defender Celeste, antes que seu trabalho fique comprometido.

E lembre-se, colegas que adoram prejudicar os outros não têm um futuro muito legal. Um último conselho, se o desespero bater à sua porta, você deve falar diretamente com o chefe e "entregar" quem está te atrapalhando a vida de forma injusta. Você não pode é ficar quieta e esperar que venha uma solução mágica pra resolver tudo. Não é assim que as coisas funcionam no mundo corporativo

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
22
setembro
06h00

Acerte no currículo

Na hora de montar um currículo, todo cuidado é pouco. Embora pareça tarefa fácil, os headhunters apontam uma série de deslizes cometidos pelos candidatos. E o que poderia ser a porta de entrada para um novo emprego, algumas vezes transforma-se no maior vilão para o profissional.

R7 Curriculo estagio 300x199 Acerte no currículo

Na ânsia de se apresentar corretamente, muitos profissionais começaram a incluir frases prontas e descrever habilidades subjetivas - como “sou um bom líder”, “tenho pró-atividade”, “possuo excelente relacionamento interpessoal” - nas primeiras linhas dos currículos.

Para evitar erros, separamos algumas dicas do consultor para deixar seu currículo na mira dos caçadores de talentos. E antes de qualquer coisa, não se esqueça de ser o mais sucinto e objetivo possível.

Dados pessoais

  • Sempre comece com informações, no alto da página, contendo seu nome, endereço, telefone, celular, e-mail, idade, estado civil e número de filhos
  • Não coloque RG, CPF, certificado de reservista, carteira profissional e título de eleitor
  • Deixe claro os seus objetivos. Coloque o(s) cargo(s) e a área a que você aspira, mas seja breve. Se você ainda não é um profissional experiente, o ideal é explicar como você pretende direcionar sua carreira
  • Jamais coloque suas pretensões salariais. Os valores são sempre negociados nas entrevistas

Formato

  • Não use papel colorido. Prefira as folhas brancas tradicionais. Até a tipologia deve seguir a linha básica, como as fontes Courier, Arial ou Times New Roman
  • Os negritos, itálicos e sublinhados só devem ser utilizados para organizar as informações. Essa preocupação excessiva com a estética pode dar a impressão de que o candidato está tentando compensar uma eventual falha
  • Não ultrapasse o máximo de duas páginas de texto. Os selecionadores recebem uma quantidade enorme de currículos e aqueles que dizem logo a que vieram têm mais chances de chamar a atenção

Experiência profissional

  • Este é o próximo passo. Você deve explicar de maneira sucinta todos os lugares que passou e quais foram as suas experiências dentro de cada empresa
  • Mencione apenas as cinco últimas empresas que trabalhou, começando pelas mais recentes. Cite o nome da empresa. Se ela não for conhecida faça uma breve apresentação (ramo de atividade, faturamento e número de funcionários). Depois descreva seu cargo e o que fazia na prática
  • Caso você esteja começando a carreira, vá direto para sua formação acadêmica

Formação acadêmica e idiomas

  • Na hora de detalhar onde estudou, coloque os cursos de graduação, especialização, pós-graduação e MBAs. Se foram feitos em escolas de primeira linha, certamente farão diferença
  • Vale também dizer que os cursos relâmpagos não ajudam em nada. Coloque apenas aqueles que realmente acrescentaram algo importante na sua vida
  • Destaque os idiomas que você fala fluentemente. Se aprendeu no exterior, por meio de intercâmbio, melhor ainda.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
19
setembro
06h00

Como saber se é hora de pedir demissão

Você acha que não é valorizado? Detesta o ambiente da empresa e se sente desmotivado? Odeia o chefe? Acha o trabalho chato? Se você respondeu sim a todas essas perguntas, talvez esteja na hora de questionar se seria melhor pedir demissão. Claro que abrir mão de um emprego costuma ser algo bastante complicado, mas quando não há perspectivas de que surja uma melhor oportunidade do ponto de vista financeiro ou profissional, vale a pena pensar.

Preste atenção

1
Antes de sair da empresa, faça uma análise da sua situação na empresa.
2
Você gosta do que faz e se sente valorizado na empresa onde trabalha?
3
Se quiser progredir, saia imediatamente da zona de conforto.

R7 Emprego pedir transferencia 300x300 Como saber se é hora de pedir demissãoFicar num lugar apenas porque gosta do que faz ou porque não apareceu outra proposta mais interessante pode ser um erro fatal. O importante é avaliar se o atual emprego está sendo positivo para o crescimento profissional. Pondere se o atual trabalho tem contribuído para um maior aprendizado que permita dar saltos na carreira. Nada de comodismo. Sair da zona de conforto vai fazer toda a diferença se você deseja ter sucesso.

Por isso, o autoconhecimento é fundamental. Cada um possui valores que devem ser respeitados. Se para você o importante é ser feliz e ter qualidade de vida, o trabalho precisa ser motivo de satisfação. Mas se você é ambicioso e não se incomoda em trabalhar 14 horas por dia, inclusive nos finais de semana, o emprego ideal é aquele que te traga desafios constantes.

A partir daquilo que deseja para sua vida profissional, analise se sua situação o incomoda realmente. Se sim, veja se é possível mudar de área ou até de atividade onde está. Considere a chance de ter uma nova perspectiva pessoal dentro da companhia. Se nada disso for possível, aí sim é o momento de buscar um novo emprego. Mas lembre-se, antes de tomar uma decisão radical aproveite que está empregado para conseguir algo melhor.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
17
setembro
06h00

Se o estresse está te matando, é hora de dar uma parada

Você está cansado de chegar cedo e sair tarde. Ainda por cima, leva trabalho pra casa nos finais de semana e na hora de tirar férias, seu chefe encrenca. A pressão é cada vez mais forte e você vive estressado, cansado e super desmotivado. Daí você se pergunta: há saída pra isso? Empurrar para debaixo do tapete a questão não vai melhorar a sua vida. Muito pelo contrário.

Preste atenção

1
O estresse é causador de diversas doenças. Prejudica a saúde e a vida profissional.
2
Converse seriamente com seu chefe. Leve os problemas e sugira soluções.
3
Não se esqueça: a empresa substitui rapidamente qualquer tipo de profissional.

R7 Atraso 199x300 Se o estresse está te matando, é hora de dar uma paradaTente falar com o chefe. Mostre os impactos que esse excesso de trabalho estão acarretando em seu desempenho e aponte soluções. Mostre saídas que possam ser boas para ambos os lados. Essa é uma maneira eficaz de resolver o problema, sem fazer com que o chefe ache que você está levando mais um problema pra ele, que também deve viver uma situação parecida com a sua.

O que você não pode é trabalhar no limite e ficar doente, porque a sua saúde é importante. Além disso, se você é quem acaba tendo que se afastar porque não suportou a carga de estresse, a empresa logo dará uma solução para o problema, o substituindo. Seja inteligente e viva mais feliz.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
15
setembro
06h00

Se você é acomodado, fique esperto!

Tem gente que prefere ficar na mesma empresa por vários anos. Mesmo que se receba propostas interessantes para mudar, o medo do novo acaba sendo uma barreira. Será que vale a pena realmente sair da zona de conforto? Quando descobrir que o ciclo da carreira num lugar acabou?  A menos que você seja funcionário público e trabalhe para o governo, zona de conforto já era.

Preste atenção

1
Você é um profissional acomodado?
2
Reavalie sua carreira e peça para fazer trabalhos diversificados.
3
Outra área de trabalho, função diferenciada são excelentes para futuras promoções.

R7 Nome sujo 300x219 Se você é acomodado, fique esperto!Não que tenha algo errado fazer carreira na mesma empresa. O problema é achar que se está num ambiente confortável, sem qualquer tipo de ameaça.

Se você pensa assim, está na hora de rever suas atitudes. Quem é ambicioso e quer crescer, mesmo que na mesma empresa, precisa estar sempre buscando fazer coisas novas. Quem acha que tem uma vida confortável por não enxergar ameaça onde está, pode ter certeza que seus dias no futuro estarão contados.

Faça uma avaliação constante da sua situação de carreira, veja se você ficou estagnado. Se sim, mexa-se! Converse com seu chefe e mostre-se disposto a tocar atividades diferentes. Está muito tempo na mesma função ou setor, peça para mudar de área. Movimentações laterais são importantes para ser promovido e até conseguir um novo emprego se for demitido.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
12
setembro
06h00

Chefe folgado tem jeito?

Não é só funcionário preguiçoso que a gente encontra por aí. Tem muito chefe que adora repassar a tarefa dele para sua equipe. Ele delega de tal forma que todo mundo o vê com bons olhos por achá-lo descentralizador. No entanto, o lobo em pele de cordeiro está mesmo se aproveitando do funcionário. É o tipo que joga tudo nas costas da equipe, passa o dia cobrando as tarefas e se algo dá errado, não assume a culpa. Pelo contrário, quando a bomba explode passa a bola pra equipe e coloca na fogueira mesmo.

Preste atenção

1
Fique atento, chefe pode ser descentralizador, mas folgado não.
2
Chefe preguiçoso além de ser ignorante ainda vive do sucesso da equipe.  
3
Mostre o seu potencial e talento para os superiores acima do seu chefe.

R7 Zona conforto 199x300 Chefe folgado tem jeito? Em geral, o chefe folgado é um tremendo preguiçoso, incapaz e incompetente. Faz corpo mole e sobrevive de marketing pessoal. É um tremendo 171 que sabe explorar bem seu lado politiqueiro. Vai se mantendo em cima do sucesso da equipe e sabe como ninguém se vangloriar junto aos superiores. O que fazer se você tem um chefe assim? Busque não enfrentá-lo, mas aproveite as brechas que ele der pra mostrar seu desempenho aos chefes que estão acima dele.

Evite entrar em discussões acaloradas ou o confronto quando ele jogar a culpa pra você. Brigar com o chefe em nenhuma circunstância é bom. Tente sempre argumentar com o chefe ou levar a situação para o RH da empresa.  E não se preocupe. Chefe folgado não tem espaço nas organizações. Uma hora ele será descoberto. Agora, se nada for feito, mude de área ou até mesmo cogite a possibilidade de um novo emprego. Fazer o trabalho dos outros é que não dá.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
10
setembro
12h00

Como conseguir o que se quer no trabalho

Não só os audaciosos, ousados e superconfiantes podem conseguir o que querem.  Qualquer um de nós também pode realizar os desejos sem ser pidão. Tudo depende de planejamento e táticas que nos ajudam a não sermos conhecidos como aquela pessoa chata que só pede.

Preste atenção

1
Ser pidão não é o que se espera de um bom profissional.
2
Pedir algo não é problema desde que se avalie bem antes de fazer qualquer pedido ou favor.
3
Analise a hora certa de fazer um pedido, dificuldades devem ser acompanhadas de sugestões para a solução.

R7 Interrogação 300x240 Como conseguir o que se quer no trabalhoÉ importante definir bem o que pedir, saber o porquê, se vale a pena, avaliar a necessidade, com quem contar e ficar ciente dos desafios, como as críticas dos contras. Quer saber?

Obter apoio? conquiste apoio dos outros - seja generoso e agradável, agradeça sempre e tenha senso de humor. Admita erros, receba críticas de forma positiva. Tudo ajuda a deixar a sua imagem de tal forma que os outros vão colaborar espontaneamente com você.

Conseguir um? sim?? analise as pessoas com as quais você vai argumentar, quais motivos para você ter um? não? dificuldades no caminho e como removê-las, como cativar quem pode ajudar você, escolher a hora certa para elogios sinceros, dê dicas que você precisa das pessoas.

 Eliminar barreiras? se quer pedir um curso ao seu chefe, liste as vantagens que a sua capacitação trará à empresa e os ganhos do departamento.

A hora certa de pedir? tendo apoio, analisando as pessoas e dificuldades, propondo soluções, então chegou a hora de pedir.  Escolha o melhor momento, não se afobe, faça o seu pedido e deixe a pessoa pensar, tenha calma, afinal nem todos podem dar uma resposta imediata.

 

Dicas bacanas sobre carreira e  planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com