28
janeiro
06h00

Tenha um trabalho que o deixe feliz

É muito comum as pessoas se sentirem insatisfeitas com o trabalho. Mas será que dá pra ser feliz mesmo com os problemas e conflitos do dia a dia? Minha resposta é SIM. Isso mesmo, a felicidade no trabalho depende de como vocês encara sua rotina, lida com seus desejos e as suas frustrações. Para isso, listei algumas dicas que podem ajudá-lo a encontrar motivação no emprego e ser, de fato, feliz. Confira!

Preste atenção

1
Os problemas no trabalho podem ser encarados de forma simples.
2
Não misture problemas pessoais com os conflitos profissionais.
3
Analise a necessidade real de continuar a trabalhar depois do expediente encerrado.

R7 Trabalho levar problema para casa 300x224 Tenha um trabalho que o deixe feliz 1.       Goste do que faz – Este é o primeiro passo para ter uma vida feliz. Nem sempre você vai se sentir feliz, haverá dias em que as tarefas irão consumi-lo. Mas quando se gosta do que faz, os problemas parecem menores e, no fundo, você terá a certeza de que vale a pena encarar os desafios porque fez a escolha certa;

2.       Aprenda a lidar com conflitos – Os conflitos são inerentes e qualquer relação interpessoal. Por isso, é fundamental saber driblar problemas e não deixar levar o problema para o lado pessoal;

3.       Não escolha o emprego apenas pelo dinheiro – O maior erro que as pessoas cometem é escolher um trabalho analisando apenas o aspecto financeiro. Lógico que dinheiro é importante, mas não é tudo. Você pode se render à tentação e depois se ver frustrado, desanimado e sem energia. Faça-se a seguinte a pergunta: quanto você precisa ganhar para se sentir feliz?

4.       Saiba dizer NÃO - Dizer não é tirar o peso de acumular trabalho extra que você não consegue dar conta, impor limites e eliminar a enorme carga de estresse trazida pela sobrecarga de trabalho. Não tenha medo de dizer não ao chefe, mesmo que ele continue a pressionar ou questioná-lo sobre sua capacidade profissional. Lembre-se que é essencial colocar regras logo de início, antes que sua vida vire um tormento. Aprenda a resistir ao impulso de sempre dizer sim.

5.    O trabalho fica no trabalho - Não torne como um hábito levar trabalho para casa. Se continuar seu dia de trabalho em casa, você não irá descansar como deveria e, certamente, abdicará de outros aspectos valiosos da vida pessoal. Será que é isso que você quer? É importante desligar-se do escritório, brincar com os filhos, praticar um esporte, caminhar descontrair ou fazer nada

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
26
janeiro
06h00

Vale a pena ser honesto

Muita gente se vê tentado a desviar recursos da empresa onde trabalha, seja porque a pessoa está endividada até o pescoço ou mesmo porque a empresa é desonesta e de uma certa forma o funcionário acredita que tirar um pequeno pedaço não vai fazer mal a ninguém. Pode ser que a pessoa não seja descoberta, mas correr o risco não vale a pena. Você pode pensar “tem tanto bandido solto por aí nas empresas se dando bem, por que eu tenho que me ferrar sendo honesto?”.

Preste atenção

1
Não importa a atitude do seu colega, seja um profissional honesto.
2
A desonestidade acaba sendo descoberta, seja lá qual for a sua responsabilidade na empresa.
3
Não participe, não faça e nem permaneça numa empresa em que a honestidade não é considerada.

R7 Roubar empresa 300x203 Vale a pena ser honestoSer honesto é uma questão de caráter. As pessoas podem enganar aqui ou ali e até se dar bem em algum momento, mas não existe coisa pior do que ver seu nome manchado ao ser descoberto. Pequenos delitos podem ser difíceis de serem descobertos, só que dificilmente a pessoa vai parar por aí. O funcionário vê que é fácil e quando se dá conta, a coisa tomou outra proporção. Se descoberto, ele será demitido por justa causa e terá uma imagem prejudicada no mercado.

Sim, na hora de procurar um novo emprego o recrutador vai pedir referências sobre o candidato à antiga empresa. E atitudes como essas não só mancham o currículo, arruínam a carreira de qualquer um. Então, é preciso refletir se realmente vale a pena correr esse risco por um pequeno deslize. A tentação pode ser grande, mas pense até que ponto vai resolver seu problema ou causar um ainda maior.

Mesmo funcionários que detém informações sobre falcatruas da empresa não devem cair na tentação de fraudar a companhia, por achar que ela ficará calada com medo de acusações. Do mesmo jeito que não se deve cometer nenhuma fraude sob pressão do chefe ou participar de negociações ilícitas sob ameaça de perder o emprego. A integridade não tem preço e quem é honesto sempre terá espaço no mercado.

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
23
janeiro
06h00

Sinais de que é hora de mudar

Todo mundo começa a detectar sinais de crise profissional quando percebe que não há mais desafios naquilo que faz ou não encontra chances de crescer. Aí vem aquele desejo de mudar de área e até de carreira, mas o caminho não é tão simples assim.  É preciso encarar as várias curvas que encontrará pela frente, que passam por dar vários passos pra trás e retomar à estaca zero.

Preste atenção

1
Não há mais chances de crescer profissionalmente? Não desanime.
2
Procure se atualizar, estude, escolha uma nova opção.
3
Use todo o seu potencial e talento para superar as dificuldades.

R7 Mudar de emprego 225x300 Sinais de que é hora de mudar Isso mesmo. Apesar de toda a experiência de anos e anos de estrada, na nova área ou na nova carreira, você é considerado um novato. Nesse momento, você estará disputando espaço com quem já construiu uma trajetória, de erros e acertos, na atividade. Por isso, pense bem se você está disposto a começar tudo de novo, bem debaixo.

Se a sua decisão for pela mudança, não mostre que caiu ali de paraquedas. Aproveite os pontos positivos da sua carreira que podem ser interessantes em aplicar na nova área. Vá aos poucos aprendendo tudo que puder com quem estiver ao seu lado, faça cursos, arregace as mangas. Seja objetivo e não fique comparando o cenário que está vivendo com o passado.

Na hora de optar pela mudança de rota, é importante seguir em frente sem remoer as coisas. O caminho é árido mesmo. Força e coragem. Se a escolha não for acertada, lembre-se de você acabou ampliando o seu escopo de atuação e seu currículo ficará ainda mais rico. Afinal, toda e qualquer experiência é sempre válida, principalmente quando suas habilidades comportamentais forem avaliadas. A diferença é saber usar todo esse aprendizado a seu favor, em qualquer circunstância.

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
21
janeiro
06h00

Cansou de ser empregado e quer ser patrão?

Há várias profissões que você aprende na escola para se tornar um bom profissional. E pra ser patrão, o que é preciso? Aí não é a escola que vai te ensinar, muito menos a escola da vida. Você precisa nascer com a vocação pra ser patrão, compreender o que é risco, que é você quem terá de buscar o dinheiro pra pagar as contas no final do mês, atender o cliente chato do outro lado do balcão e inventar a cada dia uma forma nova de ganhar dinheiro.

Preste atenção

1
Quer ser patrão, mas tem vocação, capital e disposição para isso?
2
Pare, analise, pense muito bem antes de se aventurar a ser patrão.
3
Ser criativo, ter cansaço físico e mental diariamente e ter lucro só após alguns meses ou anos de trabalho duro. Vai enfrentar essa parada?

R7 Carreira Diplomatica 225x300 Cansou de ser empregado e quer ser patrão?Se você tem essa habilidade, tem tudo pra ser patrão. Agora, se você gosta de um emprego com carteira assinada, acordar de manhã e ir para o trabalho, voltar no final do dia pra casa e tomar a sua cervejinha com churrasquinho no final de semana, você nasceu pra ser empregado. Não tem nada de errado, só não nasceu pra ser patrão. Sabe qual é o risco? Aquele que nasceu pra ser empregado se meter a ser patrão.

Fuja disso. Com certeza, o 13º que você recebeu a poupança que fez anos a fio ou então o FGTS que tirou quando foi demitido vai tudo por água abaixo.  Sabe por quê? Porque você não nasceu pra ser patrão. Pense bem antes de tomar qualquer decisão. Converse com pessoas que foram mal sucedidas, com quem se deu bem, analise prós e contras. Se no final você se convencer que é patrão, boa sorte e vá em busca do seu sonho. Mas lembre-se, você está arriscando o seu dinheiro e não o do seu patrão.

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
19
janeiro
06h00

Como encontrar emprego se você não tem experiência

As empresas estão cada vez mais exigentes e querem profissionais com experiência, inglês fluente, pós-graduação e por aí vai. Mas quando se está batalhando pelo primeiro emprego, experiência e pós-graduação são pré-requisitos que você certamente não terá. O que não é o fim do mundo.

Preste atenção

1
Calma e perseverança são indispensáveis para conquistar o primeiro emprego.
2
Vontade de aprender é só um dos requisitos analisados pelas empresas.
3
Estágios gratuitos, bicos e voluntariado também valem como experiência adquirida.

R7 Escolher o caminho 300x188 Como encontrar emprego se você não tem experiênciaMuitas empresas contratam pessoas para vários tipos de vagas e há muito mais emprego pra quem está começando do que para quem está no meio da carreira. Portanto, procure mostrar garra e vontade de aprender, crescer com a empresa, ter uma oportunidade. Ter idiomas já facilita o processo, assim como uma boa faculdade.

Estágio também conta bastante ou mesmo algum emprego fora da área. Procure encontrar em bicos ou outro tipo de atividade desenvolvida habilidades que você desenvolveu e que possam contribuir para essa empreitada. Capacidade de trabalhar em equipe, pra atividade, facilidade de comunicação, poder de negociação são exemplos que devem ser explorados numa entrevista de emprego.

Não esqueça que tudo é válido na vida e as empresas valorizam muito esses aspectos comportamentais. Vá em frente e não esmoreça!!

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
16
janeiro
06h00

Como se comportar no novo emprego

Se você vai entrar em 2015 de emprego novo é bom ter cuidado com os primeiros dias de adaptação. Como todo começo, sempre há muitas expectativas. De que forma deverá se relacionar com os colegas de trabalho e o chefe, principalmente, nas primeiras semanas. Antes de entrar em pânico, o primeiro passo é ter tranquilidade pra encarar o ambiente desconhecido.

Preste atenção

1
A adaptação no novo emprego deve ser cuidadosa.
2
Conheça os colegas, colabore e se mostre interessado em tudo.
3
Estude as regras e procedimentos da empresa. Não dê bola fora!

R7 Chefe bonzinho 300x200 Como se comportar no novo empregoProcure logo se enturmar. Fazer parte do grupo é essencial na sua escalada dentro da companhia. Mostre que você está disposto a colaborar, é interessado e tem ambição pra crescer. Mas fique atento na hora de ter atitudes diferentes das pessoas. Seja sempre humilde e diga que está ali pra aprender. Preste atenção nos demais e veja como eles agem. Pergunte tudo que tiver dúvida.

Jamais abuse da postura arrogante se você tiver mais experiência que os pares. Não esqueça que toda pessoa nova é vista como ameaça, o melhor é ganhar a confiança e trazer os colegas para o seu lado. Também fique atento às normas, regras da empresa. Por mais que você tenha passado por várias empresas, cada uma tem uma cultura diferente. Caso continue se sentindo deslocado, quebre o gelo e dê início a uma conversa informal no cafezinho.

Boa sorte!

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
14
janeiro
06h00

Quando mudar de rota é o caminho

Todo mundo começa a detectar sinais de crise profissional quando percebe que não há mais desafios naquilo que faz ou não encontra chances de crescer. Aí vem aquele desejo de mudar de área e até de carreira, mas o caminho não é tão simples assim.  É preciso encarar as várias curvas que encontrará pela frente, que passam por dar vários passos pra trás e retomar à estaca zero.

Preste atenção

1
Não é nada fácil mudar de área de trabalho.
2
Vai enfrentar? Se desligue do passado.
3
Mesmo que erre na escolha da nova área ainda assim estará adquirindo uma nova experiência.

R7 Carreira como escolher 300x157 Quando mudar de rota é o caminhoIsso mesmo. Apesar de toda a experiência de anos e anos de estrada, na nova área ou na nova carreira, você é considerado um novato. Nesse momento, você estará disputando espaço com quem já construiu uma trajetória, de erros e acertos, na atividade. Por isso, pense bem se você está disposto a começar tudo de novo, bem debaixo.

Se a sua decisão for pela mudança, não mostre que caiu ali de paraquedas. Aproveite os pontos positivos da sua carreira que podem ser interessantes em aplicar na nova área. Vá aos poucos aprendendo tudo que puder com quem estiver ao seu lado, faça cursos, arregace as mangas. Seja objetivo e não fique comparando o cenário que está vivendo com o passado.

Na hora de optar pela mudança de rota, é importante seguir em frente sem remoer as coisas. O caminho é árido mesmo. Força e coragem. Se a escolha não for acertada, lembre-se de você acabou ampliando o seu escopo de atuação e seu currículo ficará ainda mais rico. Afinal, toda e qualquer experiência é sempre válida, principalmente quando suas habilidades comportamentais forem avaliadas. A diferença é saber usar todo esse aprendizado a seu favor, em qualquer circunstância.

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
12
janeiro
06h00

Quando a promoção não vem….

Você estava esperando dar aquele salto na carreira, assumir um cargo mais alto e na avaliação de desempenho descobre que a promoção não saiu. E agora, você deve continuar ou não na empresa? Tudo vai depender da sua dedicação pra chegar lá. Será que você realmente fez por merecer? Você encarava as tarefas que o chefe lhe dava, era proativo ou só ficava reclamando?

Preste atenção

1
Não fique inconformado se não recebeu a promoção esperada.
2
Fique calmo, analise o que deu errado.
3
Não fique desanimado, persista e só saia do emprego se não conseguir superar a situação.

R7 Promessa 300x200 Quando a promoção não vem....É importante fazer uma autocrítica antes de sair por aí chutando o balde. Nós costumamos adotar uma postura de vítimas quando algo não sai do jeito que gostaríamos. Por isso, ao receber a notícia de que a promoção não saiu, reflita um pouco sobre suas ações. Agora, se você sempre se esforçou, se antecipava às situações e costumava propor ideias novas, vale a pena tentar entender o que aconteceu.

Neste caso, veja quais perspectivas poderão se abrir pra você e o quanto estará disposto a esperar. Só não vale continuar no barco desmotivado, assistindo à vida passar, sem continuar batalhando. Se você permanecer no emprego é preciso seguir na briga. Mas se o desânimo persistir e perder a confiança no processo, procure um novo caminho fora dali. Quando se está insatisfeito, o desempenho vai cair ainda mais e será perda de tempo.

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
9
janeiro
06h00

Turbine sua carreira

Mesmo com um cenário de incertezas e desaquecimento da economia, 66% dos profissionais brasileiros não temem perder o emprego este ano, de acordo com  estudo realizado com 800 pessoas pela Love Mondays, portal de pesquisa que ouve opiniões anônimas de funcionários sobre as empresas.

Preste atenção

1
Prepare-se para ser entrevistado e responder adequadamente às perguntas.
2
Todo profissional tem pontos negativos e positivos
3
Enfatize seus pontos positivos e mostre os negativos – tudo sem exageros.

R7 Concurso1 300x200 Turbine sua carreiraO levantamento aponta ainda que 50% não pretendem mudar de emprego e apenas 34% demonstram algum tipo de receio em ficar desempregado nos próximos 12 meses. Esse otimismo é propício para quem deseja turbinar a carreira. Confira abaixo algumas dicas: 

  •  Mantenha viva sua rede de contatos: não deixe que os happy hours com os amigos aconteçam apenas no fim de ano. Aproveite para estreitar relacionamento ao longo do ano, aproxime-se daqueles que você não vê faz tempo e trave novos contatos;
  • Desenvolva novas habilidades: fique por dentro das novidades e dê um up grade na sua formação. Matricule-se em um curso de extensão ou de pós-graduação, aperfeiçoe o inglês, aprenda novas línguas. Quanto mais você mostrar que está atualizado, maiores serão as chances de ser promovido ou encontrar um novo emprego;
  • Redes sociais: atualize seus perfis em curtos espaços de tempo. Acrescente informações relevantes à sua história profissional, coloque uma foto nova no perfil. Isso ajuda a chamar a atenção do recrutador. No Twitter, procure seguir profissionais da sua área de atuação. No LinkedIn, busque adicionar quem te interessa manter contato. Faça novas conexões e tente construir relacionamentos.

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
7
janeiro
06h00

Comece 2015 mais feliz

Será que dá pra ser feliz mesmo com os problemas e conflitos do dia a dia? Minha resposta é SIM. Isso mesmo, a felicidade no trabalho depende de como vocês encara sua rotina, lida com seus desejos e as suas frustrações. Para isso, listei algumas dicas que podem ajudá-lo a encontrar motivação no emprego e ser, de fato, feliz. Confira!

Preste atenção

1
Quem trabalha com alegria gosta do que faz.
2
Saiba como conviver com os conflitos no trabalho.
3
Não leve trabalho pra casa e nem traga seus problemas pessoais para o trabalho.

R7 Atraso 199x300 Comece 2015 mais feliz

  1. Goste do que faz – Este é o primeiro passo para ter uma vida feliz. Nem sempre você vai se sentir feliz, haverá dias em que as tarefas irão consumi-lo. Mas quando se gosta do que faz, os problemas parecem menores e, no fundo, você terá a certeza de que vale a pena encarar os desafios porque fez a escolha certa;
  2. Aprenda a lidar com conflitos – Os conflitos são inerentes e qualquer relação interpessoal. Por isso, é fundamental saber driblar problemas e não deixar levar o problema para o lado pessoal;
  3. Não escolha o emprego apenas pelo dinheiro – O maior erro que as pessoas cometem é escolher um trabalho analisando apenas o aspecto financeiro. Lógico que dinheiro é importante, mas não é tudo. Você pode se render à tentação e depois se ver frustrado, desanimado e sem energia. Faça-se a seguinte a pergunta: quanto você precisa ganhar para se sentir feliz?
  4. Saiba dizer NÃO - Dizer não é tirar o peso de acumular trabalho extra que você não consegue dar conta, impor limites e eliminar a enorme carga de estresse trazida pela sobrecarga de trabalho. Não tenha medo de dizer não ao chefe, mesmo que ele continue a pressionar ou questioná-lo sobre sua capacidade profissional. Lembre-se que é essencial colocar regras logo de início, antes que sua vida vire um tormento. Aprenda a resistir ao impulso de sempre dizer sim.
  5. O trabalho fica no trabalho - Não torne como um hábito levar trabalho para casa. Se continuar seu dia de trabalho em casa, você não irá descansar como deveria e, certamente, abdicará de outros aspectos valiosos da vida pessoal. Será que é isso que você quer? É importante desligar-se do escritório, brincar com os filhos, praticar um esporte, caminhar descontrair ou fazer nada

 

Dicas bacanas sobre carreira e planejamento de vida em  http://www.facebook.com/OMelhorVemDepoisOficial e no http://twitter.com/juliocardozo

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com