A ESCOLA DOS MEUS SONHOS

ESCOLA 300x200 A ESCOLA DOS MEUS SONHOS

Uma em cada bairro de São Paulo, uma em cada bairro do País!

Olá.

Eu imagino uma Escola padronizada, uma em cada bairro de São Paulo, uma em cada bairro do País...

Essa Escola é de tempo integral e funciona também como centro sociocultural e esportivo do bairro. Tem infraestrutura adequada, com salas de aula bem montadas, auditório, laboratórios, restaurante, biblioteca, ginásio poliesportivo e pista de atletismo para várias modalidades. Os alunos têm laptops que podem ser conectados a uma rede própria de ensino. Nos finais de semana, palestras diversas, atividades culturais e competições das várias modalidades esportivas. Ponto de reunião das famílias, com shows de bandas formadas pelos alunos e também bandas profissionais, exposições de pintura, desenho e fotografia.

Acredito, desse modo, que a boa formação dos estudantes se completará com atividades esportivas e culturais. Logicamente, os professores têm boa formação, são bem remunerados e adoram ensinar.

Um dia o meu sonho se tornará realidade!

Abraço.

http://r7.com/rpwp

O EDIFÍCIO EDUCAÇÃO

 O EDIFÍCIO EDUCAÇÃO

Antes de nos preocuparmos com a eficiência do Edifício Educação, é preciso projetá-lo de tal tamanho que possa receber todos os interessados.

Olá.

Não é possível tratar da Educação sem mencionar o PNE (Plano Nacional da Educação). Ele está pronto no aguardo de retoques, aguardando os planos estaduais e municipais. O plano da cidade de São Paulo ainda não foi feito.

O Edifício Educação se compõe das seguintes partes:

- Alicerces – Educação Infantil, inclusive creches;

- 1º andar – Fundamental I;

- 2º andar – Fundamental II;

- 3º andar – Ensino Médio;

- 4º andar – Ensino Superior.

Antes de nos preocuparmos com a eficiência do Edifício Educação, é preciso projetá-lo de tal tamanho que possa receber todos os interessados.

Atualmente, no Estado de São Paulo, há filas enormes atrás de vagas para creches.

Quando o aluno termina o Fundamental I, ele desiste de estudar porque o Fundamental II só oferece a ele a possibilidade de ingressar na Escola Superior com estudo de matérias áridas como, por exemplo, Matemática, Física, Química e Biologia. O que ele gostaria mesmo é de ingressar numa escola técnica mas, infelizmente, não há vagas para todos.

O aluno que desejar estudar em Escola Superior, tem todas as facilidades para isso: PROUNI, FIES, Universidades Federais Públicas... Com um pequeno esforço qualquer aluno poderá se tornar um universitário, basta observar que a maioria dos alunos que frequentam, hoje, uma universidade, pertencem às classes C,D e E.

Uma vez que estejam todos os alunos acomodados no Edifício Educação, aí sim devemos pensar em torná-lo cada ano mais eficiente.

Recentemente, o Governo do Estado de São Paulo reformulou o Ensino Médio. No Primeiro ano, e na primeira metade do Segundo, é desenvolvida a programação das matérias atualmente lecionadas, porém com a nomenclatura do ENEM: Matemática, Português, Ciências Humanas e Ciências Exatas. Desse modo, a partir dos dois anos e meio, o aluno escolherá qual a profissão deseja estudar. Fica assim resolvido um problema muito importante: o aluno poderá escolher se, no Ensino Médio, terá foco na preparação para a faculdade ou se estudará um Curso Técnico.

As coisas estão melhorando. Vamos acreditar!

Abraço.

http://r7.com/xdx7

LEITURA

Aprender 300x240 LEITURA

Deveríamos ter sede por leitura.

Olá.

Em 1936 ingressei no Grupo Escolar Estadual Antônio de Queiroz Telles, localizado no bairro Água Rasa, aqui em São Paulo, onde eram ministrados cursos até o Primário, atual Fundamental I. Lá, me lembro bem, a professora Dalva nos explicava a importância da leitura na vida de um cidadão brasileiro, e nos propôs a leitura de vários livros, entre os quais destaco "Reinações de Narizinho", de Monteiro Lobato.

O curso Ginasial, atual Fundamental II, frequentei no Ginásio Pedro de Toledo, onde também acabei lendo Monteiro Lobato, a coleção completa de suas obras.

Eram muito poucos os autores de livros paradidáticos para crianças. Dado o crescente interesse pela leitura nas escolas, novos autores apareceram. Hoje temos uma variedade enorme de obras para crianças.

Cursei o Colegial, atual Ensino Médio, no Colégio Anglo Latino. Lá me foram indicados para leitura os clássicos das literaturas Brasileira e Portuguesa.  Aí vai uma sugestão para os alunos do Ensino Médio: leiam as obras recomendadas para o exame da FUVEST. No site da FUVEST é possível identificar as obras e, na internet, encontrar até bons resumos. O ideal é ler cada obra na íntegra.

Aprendi na minha vida que leitura traz cultura, é importante para a aprendizagem (favorece o aprendizado de conteúdos específicos) e aprimora a escrita. O contato com os livros ajuda a formular e organizar  linhas de pensamento.  Assim, apreciar obras literárias é atitude importante para a elaboração de uma boa Redação.

Boa leitura.

Abraços.

 

http://r7.com/WLG9

AGORA, SETEMBRO

Olá.

Agosto 2016 ficou na História: Rio-2016 (Olímpicos e Paralímpicos) e Impeachment da presidente Dilma.

Rio-2016 (Olímpicos e Paralímpicos): sucesso. Bom para o Rio de Janeiro, bom para o Brasil e bom para o mundo. Vamos prestar atenção ao legado que ficará por aqui.

Sobre o Impeachment, ele não ficou bem resolvido. No final da última sessão, foi apresentada proposta para fatiar a sentença: cassação e perda dos direitos políticos. Duas votações: Dilma perdeu a primeira e ganhou a segunda. A segunda, dizem ser inconstitucional, veremos.

Setembro nos contempla até o momento com três episódios importantes: a cassação do deputado federal Eduardo Cunha, a posse da nova presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Carmem Lúcia e a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e por ter comandado o esquema de corrupção na Petrobras.

Quanto ao Eduardo Cunha, terá pela frente no mínimo 11 processos, incluindo esposa e filha. Muita coisa ainda irá acontecer.

A respeito da nova presidente do STF, com base em suas atuações até hoje, podemos observar com segurança: é honesta, competente e eficiente. No entanto, será preciso observar com atenção o percurso da sua gestão.

Quanto ao Lula, os procuradores federais pedem à Justiça que Lula devolva R$ 87,6 milhões, que teriam sido, segundo a acusação, desviados de contratos da construtora OAS com a Petrobras e revertidos em propinas. Teremos novidades!

Enfim, sorriam, está chegando a Primavera!

Abraço.

 

http://r7.com/B301

O PROFESSOR E O CELULAR

PT 500 O PROFESSOR E O CELULAR

Quem diria, os celulares atualmente são utilizados em salas de aula...

Olá.

Era uma vez um simpático professor de matemática, Benê, que lecionava em um cursinho de São Paulo. Era conhecido por ser muito competente e espirituoso. Os alunos que brincavam com ele sempre levavam a pior, com muito bom humor.

Quando um bom professor leciona, os alunos prestam atenção, fato que depende da habilidade do professor e da cultura de disciplina implantada na instituição de ensino.

Certo dia, início da década de 90, Benê estava lecionando tranquilamente para cerca de 150 alunos, quando reparou que um aluno, em vez de prestar atenção na aula, estava entretido com alguma coisa.  Benê chegou perto do aluno:

- O que é isso?

- Um telefone celular.

- Para que serve?

- Para telefonar.

Celulares eram novidade!

- Como se utiliza? Por favor, ligue para esse número (XXX-XXXX) para me ensinar como se usa isso. Quero sentir a emoção da tecnologia.

O aluno ligou, sem saber que era o número da Coordenação da escola.

- Alô, é da Coordenação? Aqui é o Benê. Por favor, mandem retirar aqui na sala (XX) um telefone celular de um aluno que está se distraindo com ele. No final das aulas, ele retirará novamente com vocês.

Os professores penaram muito com a nova tecnologia.

Quem diria professor Benê, que anos após o episódio, se ouviria numa sala de Ensino Médio:

- Todos trouxeram seus celulares?

Que mudança, hein!

Abraço.

http://r7.com/bZnA

INCLUSÃO BEM SUCEDIDA

 INCLUSÃO BEM SUCEDIDA

As universidades federais e estaduais estão firmes com seus planos de inclusão.

Olá.

Eu tenho acompanhado o esforço das universidades federais e estaduais para incluir em seus quadros alunos de baixa renda.

Claro que me preocupo que os alunos de baixa renda encontrem uma faculdade gratuita para estudar, mas sempre havia o perigo de abaixar o nível de ensino, uma vez que o nível de preparação desses alunos em geral é inferior.

Com essa dúvida na cabeça, eu me alegrei ao ler a seguinte notícia no Estadão: "2 em 3 alunos das federais são das classes D e E". Esses alunos com menor preparo, com esforço, poderão superar as diferenças.

A USP também está progredindo com seu plano de inclusão e, no entanto, no ano passado, melhorou a sua classificação nos rankings mundiais de Educação.

Jovens das classes D e E, estou com vocês. Foco, ação, resultado e melhoria contínua.

Abraço.

http://r7.com/pi8F

AGOSTO 2016 II – O JULGAMENTO DE DILMA

Impeachment 300x200 AGOSTO 2016 II   O JULGAMENTO DE DILMA

Seja feliz Dilma e que o Brasil siga em frente,com força!

Olá.

Além da RIO 2016, o mês de Agosto foi marcado pelo julgamento da presidente Dilma.

Não é um julgamento comum. Por quê? Não existe a figura do promotor público, ele é representado pela figura de um senador relator, escolhido pelos colegas. Existe a figura do advogado de defesa. O senado se torna um misto de jurados e juízes. O processo é dirigido pelo presidente do Superior Tribunal Federal.

Após nove meses, a criança precisava nascer e nasceu: a presidente Dilma, que estava afastada, foi condenada sob a acusação de ter cometido crimes de responsabilidade fiscal – as chamadas "pedaladas fiscais" no Plano Safra e os decretos que geraram gastos sem autorização do Congresso Nacional, mas não foi punida com a inabilitação para funções públicas. Acabou pagando também pelo enorme estrago que causou às finanças brasileiras e também, porque mentiu para o povo por ocasião das eleições para seu segundo mandato.

Durante o processo, notei que Dilma foi coerente, não reconheceu erros, em alguns momentos foi arrogante, não notei traço algum de humildade, alegou ter sofrido um golpe. Golpe foi dado em nós, no povo brasileiro, ao longo do tempo em que esteve no poder.

Além disso, acredito que Dilma foi ingrata: não agradeceu aos senadores pelo presente que recebeu, o fatiamento da sentença.

E agora? Espero que Dilma seja feliz e que o Brasil siga em frente com força.

Abraço.

 

http://r7.com/jKdh

AGOSTO 2016 I – RIO 2016

RIO 2016 AGOSTO 2016 I   RIO 2016

O Brasil foi o primeiro colocado na América do Sul mas pode melhorar muito.

Olá.

O mês de Agosto 2016 ficará para a História do Brasil: RIO 2016 e Julgamento da presidente Dilma.

A Olimpíada surpreendeu o mundo. Muitos estavam pessimistas mas após o término da Olimpíada, renderam-se com elogios.

Parabéns aos organizadores, especialmente à Prefeitura do Rio de janeiro. Parabéns aos nossos atletas. Sem a mesma estrutura de outros países, o Brasil foi o primeiro colocado na América do Sul, décimo terceiro no geral com 13 medalhas (7 ouros, 6 pratas e 6 bronzes).

Queremos mais, podemos mais!

Os Estados Unidos, primeiro colocado geral, têm nas universidades fortes aliados, patrocinam atletas. Além disso, o time americano recebe verbas de empresas privadas.

No Brasil, a cultura é: demandar tudo do Estado. Ocorre que o Estado não gera recursos, tem uma péssima competência para gerir esse dinheiro. Os planejamentos tendem a ser feitos com foco em eleições e não têm um pensamento que olhe muito para frente. Dependemos de leis de incentivo ao esporte, estruturas construídas por governos para as práticas esportivas e recursos alocados em algumas modalidades que geram retorno mais rápido, ou até em mega-estruturas para grandes eventos como Copa do Mundo e Olimpíada, que geram pequena melhoria no esporte em si. Não existe investimento na base das modalidades, isso leva bem mais do que quatro anos para dar retorno de popularidade para um governante que investiu o nosso dinheiro. E as escolas, de modo geral, sofrem para manter suas aulas de Educação Física com alguma qualidade.

Tenho esperança que ainda iremos longe.

Abraço.

http://r7.com/I_E5

O PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DE SÃO PAULO

 O PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DE SÃO PAULO

Os Planos para a Educação enfim estão aprovados.

Olá.

Já faz um ano que o MEC publicou o PNE (Plano Nacional de Educação) e determinou que os Estados e Municípios elaborassem os seus planos, naturalmente em concordância com o PNE.

Um ano depois, o governo de São Paulo entregou o seu plano para aprovação da Assembléia Legislativa.

Várias críticas foram feitas. Entre elas, a não fixação do financiamento e a não inclusão de abordagens sobre gênero e diversidade sexual.

A meta nacional do PNE é que se consiga para a Educação verba correspondente a 10% do PIB até 2024.

A APEOESP (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) conseguiu que fosse regularizada a situação dos professores temporários.

Enfim, o Plano Estadual de Educação de São Paulo foi aprovado e reproduz a essência do PNE. O documento é constituído por 23 metas que irão subsidiar a educação básica, ensino superior e profissional nos próximos 10 anos. Destaque para a implantação de um plano de carreira, a ser concluído nos próximos dois anos, destinado a todos os docentes com projeção de benefícios e em acordo com o orçamento.

Abraço.

http://r7.com/APJR

NOTÍCIAS DIVERSAS – EDUCAÇÃO

 NOTÍCIAS DIVERSAS   EDUCAÇÃO

Enquanto tudo parece parado algumas coisas acontecem relacionadas à Educação.

Olá.

- CONTAS USP-2013

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE) reprovou as contas USP -2013.

Felizmente, não houve roubo. O reitor da época, João Grandino Rodas, fez justiça com as próprias mãos: pagou a funcionários, incluindo professores, o que achou que eles mereciam receber. Ocorre que a verba não era suficiente. Sem dúvida, foi uma falha administrativa. João Grandino Rosa foi punido e a USP recorreu.

- ESCOlA SEM PARTIDO

A Comissão de Educação da Assembleia Legislativa de São Paulo rejeitou dois projetos de lei para instituir em São Paulo o programa do grupo Escola sem Partido, que prevê entre outras, a criação de canais de denúncia e instalação de cartazes nas escolas para impedir que professores expressem opiniões políticas e religiosas em sala de aula.  As propostas apresentadas pelos deputados Luiz Fernando Machado (PSDB) e José Bittencourt (PSD), em projetos diferentes, seguirão para aprovação da Comissão de Finanças e depois para a votação em plenário.

- REORGANIZAÇÃO ESCOLAR

A Reorganização Escolar (ampliação do número de escolas com ciclo único) foi adiada pelo Governo de São Paulo até Dezembro de 2016, a fim de ampliar o diálogo com pais, alunos e comunidade escolar. A ideia pretende favorecer a gestão das unidades e possibilitar a adoção de estratégias pedagógicas focadas na idade e fase de aprendizado dos alunos.

Com a divisão das escolas por ciclo, algumas unidades terão apenas alunos de 6 a 10 anos, outras receberão os adolescentes de 11 a 14 anos e outras serão exclusivas para jovens entre 15 e 17 anos.

 Abraços.

 

http://r7.com/pm69