Patas ao Alto faz 8 anos!

andrea miramontes patas ao alto Patas ao Alto faz 8 anos!

Juju, Andrea Miramontes e Maguinha do Patas ao Alto (foto: Instagram @maguinhadog

Gente, hoje o Patas ao Alto e eu fazemos oito anos!

Já Juju, há sete a gente a encontrava berrando debaixo do carro. A humana, bem, ela não vamos falar a idade aqui.

São oito anos de blog lutando pelos bichos, mordendo gente ruim que maltrata e abandona. Três deles aqui no R7.

Muito obrigada a cada um de vocês que nos acompanha. Só estamos aqui, porque vocês estão com a gente. E, como sempre falamos, juntos, somos infinitamente mais fortes.

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

Cadeirante se forma na universidade com ajuda de cão: "Não teria conseguido sem ele"

maga patas ao alto andrea miramontes Patas ao Alto faz 8 anos!

Maga - instagram @maguinhadog

 

 

Cão paralítico volta a andar com remédio popular. Ele procura um dono

 

foto Cão paralítico volta a andar com remédio popular. Ele procura um dono

(foto Instagram/Maguinhadog)

Com ossos salientes,  Gandhi apareceu arrastando as duas pernas de trás. Elas não se moviam.

Tampouco seu rabo se mexia. Ele era o cão que não abana o rabo. Cabisbaixo, nunca o tirava dentre as pernas.

Estava em um estado em que que as pessoas passavam por ele, todo encolhidinho na rua, e acharam que aquele monte de pelos pertencia ao cimento da calçada imunda.

Raquítico e fraco. Após dias de exames, soros, injeções, antinflamatórios e comida pastosa injetada na boca, recuperou-se.

Levantou, não só voltou a andar como abanou o rabo. Aos pouquinhos, recupera a alegria de ser cão.

O remédio neste caso foi amor. Foi  o olhar cuidadoso para aquele cão fedido e paralisado que esperava pela morte no asfalto.

Ele ama gatinhos. Ama outros cães, bebês e tudo que é ser vivo. Não encrenca com nada. Gandhi é o cão perfeito para companhia e de uma gratidão sem fim.

Alguém de São Paulo e região busca um amor pra vida inteira? Fale com a Luana, do Abrigo da Dona Dida

Além dele, ela tem mais um monte de fofinhos no abrigo. Telefone de contato: 11 95025-3335 (Whatsapp e mensagens para 11 99798-0044)

Quem quiser pode escrever também para o email patasaoalto@gmail.com no assunto, coloque GANDHI)

 

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

Cadeirante se forma na universidade com ajuda de cão: "Não teria conseguido sem ele"

 

 

Bichinhos soltos na CPI da Petrobras não são ratos

 Bichinhos soltos na CPI da Petrobras não são ratos

 

Os bichinhos soltos por manifestantes na CPI da Petrobrás não são ratos. São roedores chamados gerbil.

É o que explica o veterinário Renato Tartalia, veterinário ex-diretor do Hospital Veterinário Público e diretor da clínica Animal Feliz.

— Não é rato comum de esgoto, que transmite doenças, mas sim um roedor de estimação, como um hamster, inofensivo.

Esse tipo de roedor mede de sete a oito centímetros e vive de dois a cinco anos.

— A intenção foi desmoralizar, e para os bichos foi uma situação de estresse, eles são muito sensíveis e foram jogados em um ambiente estranho.

 

Protetora morre e deixa 20 cães sem lar

Cadeirante se forma na com ajuda de cão: "Não iria à faculdade sem ele"

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

 

Protetora morre e deixa 20 cães sem lar

 

8 Protetora morre e deixa 20 cães sem lar

A protetora cuidava de 20 cães, alguns doentinhos.

Após sua morte, a mãe dela, também doente, de 85 anos, não pode cuidar dos bichos.

Os vizinhos queriam simplesmente abrir o portão da casa, que fica na zona Norte de São Paulo.

Mas vocÊ concorda em abandonar de novo cães megacarentes, que já sofreram abusos e sofreram nas ruas?

Não né... Quem puder adotar um, por favor, fale com Alessandra, no telefone aí abaixo. Todos estão vacinados e castrados.

Alessandra (11) 98514-1869 e (11) 2952-1706. O link do Facebook é este aqui

 

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

Cadeirante se forma na universidade com ajuda de cão: "Não teria conseguido sem ele"

Ong dá curso de primeiros socorros a cães

 

ThinkstockPhotos 135815797 11 Ong dá curso de primeiros socorros a cães
Por Nany
Foi um sucesso, gente! O Projeto Cão Sem Fome, que além de me resgatar também cuida de mais de 500 peludinhos, resolveu não apenas dar assistência aos protetores como também criar o curso "Primeiros Socorros Para Cães e Gatos".
A humana Gabriela Muniz Ferreira Giraldi explica o que tem no curso.
— Mostramos o que fazer com um animal que foi vítima de atropelamento, envenenamento, convulsões, desmaios, queimaduras que são as emergências mais frequentes que os bichos sofrem"
Para entrar, basta levar um quilo de ração e um litro de desinfetante- tudo vai ser para o Projeto Cão Sem Fome, que também levará amigos para encontrarem um humano para chamar de seu!
Fique atento ao próximo curso! Informe-se abaixo ou na página do face sobre quando vai rolar
Centro Veterinário Lins - Avenida Lins de Vasconcelos, 1988 Vila Mariana
Projeto Cão Sem Fome e Dra Gabriela Muniz Ferreira Giraldi
Contato(11) 5572-9959

Conheça Ziggy, o cãozinho carioca que roubou o coração de uma paulista

Ziggy Conheça Ziggy, o cãozinho carioca que roubou o coração de uma paulista

(fotos: Giorgia Cavicchioli/R7)

 

Por Ziggy (e Giorgia)

Oi! Meu nome é Ziggy, o cão carioca. Sou um cãozinho muito animado e feliz. Adoro brincar com as pessoas, mesmo depois de sofrer com o abandono. Hoje moro no Lar Temporário Oasis e sou muito bem tratado pelas babás de animais Andreia Saracuza e Erica Roias. Elas querem muito que eu arrume uma casa onde seja muito amado e querido.

No último domingo eu e alguns dos meus amiguinhos estávamos em Ipanema. Todos nós estávamos lá na esperança de encontrarmos um lar. Em determinado momento apareceu uma jornalista de São Paulo e quis saber minha história. O nome dela é Giorgia Cavicchioli.

Contaram que me acharam amarrado em uma estrada. Foram tempos difíceis, que nem gosto de lembrar. Mas quando fui encontrado tive muito carinho e trataram todos os meus problemas como pulgas, vermes e alguns nódulos que tive que operar por conta dos ferimentos.

Gostei bastante da jornalista, porque ela quis saber sobre mim. Finalmente alguém reparou em mim! Brincamos, recebi carinho e também retribuí com muito amor. Pensei que ela ia me levar par São Paulo. Confesso que gosto muito da praia, mas acho que eu poderia me acostumar com apenas alguns passeios nos finais de semana para ver o mar.

Infelizmente ela não pôde me levar. Mas ela prometeu que contaria a minha história para todos que pudesse, para que, quem sabe, alguém de bom coração queira me receber em sua casa. Quem sabe assim eu consiga compartilhar todo o amor que eu tenho dentro de mim.

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

Cadeirante se forma na universidade com ajuda de cão: "Não teria conseguido sem ele"

 

Como você! Macaco fica encantado com filhotinhos de cães

Fala se não parece com você? Assista ao vídeo e morra de amor:

 

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 

Cadeirante se forma na universidade com ajuda de cão: "Não teria conseguido sem ele"

De cadeira de rodas, garota se forma com ajuda de cão: “Não iria para a faculdade sem ele”

dog formatura De cadeira de rodas, garota se forma com ajuda de cão: Não iria para a faculdade sem ele

Reprodução/Facebook/Universidade de Illinois

Uma formanda da universidade de Illinois, nos EUA, causou comoção ao publicar a foto com seu cão durante a festa de formatura.

Ela, que usa cadeira de rodas, contou na rede Reddit, ela contou que o cão a salva a vida.

— Hero sabe mais de quarenta comandos para me ajudar. Ele gosta de recuperar objetos, como canetas, pega minhas muletas. Ele também apaga as luzes , abre portas,  me puxa na minha cadeira de rodas até sobe rampas!

— Eu não poderia ter ido para a faculdade sem ele. "

Curte histórias emocionantes? Vire nosso amigo no Facebook!

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Entre para a rede de viajantes do Lado B Viagem 


 

Feirinha de adoção tem cães filhotes e adultos fofíssimos! É hoje, gente

 

 

Yuri Feirinha de adoção tem cães filhotes e adultos fofíssimos! É hoje, gente

 

É hoje, gente! Vários fofos, como o Yuri, acima, procuram uma casinha com donos amorosos. E sua chance que ganhar um amor pra toda vida é agora. Todos estão recuperados, saudáveis, vacinados, esterilizados e vermifugados.
O evento acontece no estacionamento do JJ Cabeleireiros na Av. Cidade Jardim, 1013, Itaim Bibi, das 10h às 17h, em São Paulo

O local ainda terá upcakes da Mari, protetora de animais mirim de 9 anos que vende cupcakes para pagar suas aulas de guitarra além de venda de produtos (camisetas, canecas, chaveiros) com renda revertida para o projeto.

Em caso de chuva o evento será cancelado.

Estacionamento grátis no local.

Maiores informações através do telefone: 11 9 9272-1786.

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Curte viajar? Entre para a rede de viajantes 

dog adoção Feirinha de adoção tem cães filhotes e adultos fofíssimos! É hoje, gente

 

Que aflição! Cão é resgatado após cinco dias perdido no gelo. Assista

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 

Curte viajar? Entre para a rede de viajantes 

Página 1 de 8312345...Último