Slider1 1 Cães no corredor da morte ganham nova chance com presos

Cães condenados à morte ganham nova chance de vida. Detentos aprendem nova profissão e praticam o amor ao lado deles. Todo mundo ganha

É uma nova chance de vida para os dois lados.

Um programa de reeducação de bichos, que seriam condenados à morte, foi montado para que presos dos EUA ajudem os animais.

Cães abandonados, maltratados e, por tudo isso, agressivos após tanto sofrimento seriam sacrificados, agora têm uma nova chance de vida.

Veja muito mais no Facebook do Patas

Os presos nos EUA recebem um treinamento que ensina todos as regras aos cães, como obediência , cuidados básicos de animal, como higiene. Eles aprendem uma nova profissão, a de cuidar de bichos.

Os animais são então educados, e daí vão para adoção. Todo mundo ganha!

Cães e os detentos passam todos os momentos juntos durante o curso de formação de 12 semanas.

Cada hora do dia é planejada. Os presos são responsáveis por tudo em relação ao bicho.

No Brasil, já farejei um caso muito legal. Temos sim um programa como este!  O  adestrador Jorge Pereira tem um projeto que ajuda cães  e funciona nas penitenciárias de São Paulo

Twitter: Sigam-me os bons

Instagram: Já é meu amigo? @maguinhadog 


Newleash11 Cães no corredor da morte ganham nova chance com presos

(Fotos Bark Post/New Leash On Life/Reprodução)

Veja  mais fotos:

http://r7.com/3iQO