MAGA VETERINÁRIO 7001 No Dia do Veterinário, meu parabéns especial

(foto Divulgação/Revista Villa Mariana)

Confesso que tenho medo deles. Chego a ficar com tremedeira na salinha de espera. Detesto especialmente quando os médicos inspecionam a minha orelha, como no dia que tiraram a foto deste post.

Mas na data dedicada ao veterinário, também tenho a agradecer. Agradeço principalmente aos tios e tias que ajudam bichinhos carentes.

Em comemoração, farejei um humano dessa espécie especial, Dr. Wilson Grassi. Ele, que já castrou gratuitamente milhares de cães, cuida de uns 50 bichos que ninguém mais quis, também costuma pegar casos escabrosos.

- Um dos que mais me emocionou foi de uma cachorra velha, abandonada com tumor em uma estrada. Ela acabou atropelada e quebrou três patas. O tratamento demorou, mas ela ficou ótima.

Gente, sério, imagine você, velhinho e doente, apaixonado e dedicado a sua família, ser jogado em uma estrada para morrer sozinho. Que tipo de animal faz isso?

Para ele, essa de situação ainda vai continuar enquanto houver bichos à venda, aos cachos, como bananas.

- A castração é um passo importante, mas enquanto houver animais nas vitrines, haverá abandono.

Parabéns, tio Wilson e todos os outros profissionais que um dia já se sensibilizaram com os animaizinhos carentes.

Mansinho, pitbull Tobias precisa de um lar

Menino de 9 anos disputa Ídolos Kids para salvar seu cão

Quer adotar um amigão? Clique aqui

Gostou do blog? Visite-nos no Facebook

Leia tudo sobre o mundo da bicharada

http://r7.com/Wha6