PI Oscar: prêmios para <i> As Aventuras de Pi</i> consagram o amor aos bichos na telona

Por Andrea Miramontes

A grande chave de As Aventuras de Pi  está no mais puro amor aos animais. E o filme levou quatro estatuetas de Oscar: fotografia e efeitos visuais, melhor diretor e trilha sonora.

O diretor Ang Lee, de O Tigre e o Dragão e Razão e Sensibilidade, ganhou a academia com a saga do naufrágio do navio onde viajava o menino Pi e seus animais, durante a mudança de sua família da Ìndia ao Canadá.

O garoto, cujo pai era dono de um zoológico, quase inteiro embarcado no navio, adora animais desde pequeno. E somente por causa desse amor, ele consegue sobreviver.

O momento do naufrágio é um soco no estômago. Com o acidente, Pi acaba em um bote com uma zebra, uma hiena, um orangotango e Richard Parker, o tigre de bengala. E agora?

O tigre, uma ameaça à vida, vira a razão de sua sobrevivência. O bicho feroz pode devorá-lo à deriva. Mas o menino não tem coragem de deixar que morra. Nem você teria. Em determinado momento, até aceita a própria morte, ao colocar a fera no colo.

O filme arrebatou as estatuetas merecidamente. O Patas daria ao longa também um prêmio pela sensibilidade ímpar.

Tempestades, fome, sede e até uma ilha fantástica, que apesar da beleza esconde perigos mortais. O menino quase sucumbe às provas da ira divina, mas aguenta firme, por causa do tigre.

Parabéns à fábula que narra, acima de tudo, o respeito à vida.

pi 3 Oscar: prêmios para <i> As Aventuras de Pi</i> consagram o amor aos bichos na telona

Veja mais!

+ Protetor enfrenta desprezo por cuidar de cães

+ Porco vira agente especial dos bombeiros

+ Cãozinho é resgatado no meio do oceano

+ Border collie escapa da morte e ganha cadeira de rodas

+ Filhotes encalham nas vendas de Natal e são descartados em estrada

+ Amizade entre cães vira problema em abrigo

+ Gostou do blog? Visite-nos no Facebook

+ Sigam-me os bons

http://r7.com/Jp7p