Favelas x UPPs

A Polícia Militar, cumprindo projeto ambicioso da Secretaria de Segurança/ RJ, tem logrado êxito no processo de pacificação em andamento na Cidade do Rio de Janeiro.

Os órgãos de segurança pública do Estado vêm cumprindo a contento suas missões próprias, apesar dos salários aviltantes dos seus quadros, e, no que tange às missões de pacificação a Polícia Militar desde fins de 2008, com a instalação da primeira UPP na Favela Santa Marta, já está presente em 28 favelas da Cidade. Pelo menos, os tiroteios que antes ocorriam diminuiram. As balas perdidas, como consequência, também.

Hoje, o que reclamam as comunidades que habitam as favelas de nossa Cidade? Simplesmente obras de infraestrutura que, em regra, têm como marca a descontinuidade. E a ausência desses serviços gera um enorme problema para o processo de pacificação, mesmo porque a segurança é apenas o primeiro passo. Esse é o atual dilema que existe entre favelas e UPPs.