Rosana Hermann

24 de fevereiro de 2013 às 01h26

As pessoas têm preguiça de pensar?

Vou contar uma historinha.

Eu estava numa pequena festinha, morrendo de fome. Nâo tinha comido o dia todo. Quanto estou com fome, só comida salgada me sacia. Odeio comer doce quando estou de estômago vazio, faminta.
Pois bem, lá estava eu com o estômago grampeado às costas de tão vazio quando me deparei com um balcão de guloseimas. O balcão tinha, na ponta direta, alguns cupcakes, docinhos, Romeu e Julieta. No centro, sanduíches. Do centro pra ponta esquerda tinha uns mini quiches, fatias de rocambole de queijo e uma bandeja de algo igualzinho a um croquetinho.

Olhei tudo e pensei:
- Ah, legal, doces à direita, salgados à esquerda.
Vi os croquetinhos e peguei um.
Cara, que ódio.
Era doce. Doce. Açúcar, canela, doce de leite frito.
Cuspi aquela coisa e perguntei pra moça:
- o que é isso?
E ela:
- Mini churros.

Agora me fala. Cadê critério nessa vida? Como é que ALGUÉM faz um alinhamento de comida num balcão começando com minichurros de doce de leite fazendo cosplay de croquete ao lado dos salgados voltando pros doces?
Os croquechurros ficam ali, sozinhos, quando a categoria ta do outro lado?
O minichurros é o que, o goleiro do time? Os salgados são os adversários atacando e os outros doces são a defesa?
As pessoas não pensam. Não raciocinam. Não entendem padrões, lógica. Elas vão fazendo de qualquer jeito de forma automática, aleatória, nas coxas.

Não é maldade, é falta de foco, consciência, propósito.

É tudo na base do tanto faz, do vai assim mesmo, do foda-se.

Elas fritam os churros e botam em qualquer lugar. E se estiver com cara de croquete e as pessoas se enganarem também tudo bem, né? Não tá matando ninguém! Que gente intolerante que reclama de detalhes!

Vamos servir sopa de garfo, porque é um talher, tanto faz. Vamos trocar sal com açúcar, porque é tudo pó branco, que diferença? Gente reclamenta!

Olha, tem dias que dá vontade de viver isolada num bunker.
Hoje.

PS - Ai, gente, sério que vocês não entendem que isso é um exemplo? Uma historinha? Sério que tem gente que se ofende e vem com argumento de 'classe média sofre'? Tenho vontade de chorar quando vejo isso. GEnte que se dispõe a ser auditor do incômodo alheio, que vai lá e certifica, pelo ranking do sofrimento do mundo, se a pessoa tem ou não tem direito de sofrer! Quer dizer, quando você der uma topada com seu dedão numa pedra e perder a unha, você vai ter que esperar SUA VEZ no ranking do sofrimento mundial e só vai poder gritar PQP depois que todas as pessoas com fratura exposta já tiverem sido atendidas.

comentarios-icon30 Comentários
Um beijo, um browse, um aperto de mouse da @rosana
  • Twitter
  • RSS
  • Facebook
30 Comentários

"As pessoas têm preguiça de pensar?"

24 de February de 2013 às 01:26 - Postado por rosana

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • @SeuNandico
    - 27 27UTC fevereiro 27UTC 2013 - 4:27 PM

    Oi Rosana! Sou fã número 0 (que técnicamente vem antes do número 01, risos) do Querido Leitor. Adoro todo o conteúdo do blog, principalmente seus textos. Respeito sua opinião a respeito de lógica, é um direito seu reclamar da mistura e organização entre doces e salgados. Todavia, o que senti do seu texto foi uma certa "raiva" desnecessário por uma coisa que julgo ser tão simples de se resolver. Espero que você esteja/fique bem. Um abraço carinhoso. Fernando Magnus

    Responder
    • rosana
      - 27/02/13 - 16:36

      @SeuNandico- tem toda razão! Eu estava muito nervosa porque levei um dos piores tombos da minha vida, quase quebrei o nariz, machuquei joelho e cotovelo e estava sem comer. Daí rolou isso!

  • Joseph M.
    - 26 26UTC fevereiro 26UTC 2013 - 12:32 PM

    Ser feliz é simples, não complique. Se tinha uma pessoa cuidando, pergunte. Texto desnecessário... Perdi 2min da minha vida lendo, mas fiquei feliz em te escrever e pedir p/ você ser feliz.

    Responder
1 2 3 4 5
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com