Rosana Hermann

Sim, tem duas horas. Mas vale cada minuto.
Leandro Karnal é culto e divertido.
As verdades que ele diz são profundas, muito bem fundamentadas e certamente vai reorganizar muita coisa dentro de você.
Reserve um momento para si, coloque os fones e acompanhe TUDO.
Absolutamente maravilhosa.

Domingo à noite tem café filosófico na TV Cultura. Ontem vi uma palestra tão boa que quero vê-la na íntegra novamente.  Foi sobre GULA, com Luis Estevam de Oliveira Fernandes. Está no site. 

Quando acabou fui ver o arquivo da CPFL, que oferece o café filosófico e encontrei a palestra com a psicanalista Teresa Pinheiro, sobre narcisismo e depressão.

Aqui, um comentário dela sobre o selfie:

 

 

selfie

a gente passa por um período em que é preciso reafirmar a existência. é como se a gente precisasse de provas de que a gente existe. essas provas podem ser: malhar cinco horas e chegar morrendo de dor porque eu sei exatamente onde terminam todos os meus músculos e eu existo. e podem ser osselfies. o selfie pode ser alimentar o olhar do outro. com ele o outro vai saber que você visitou estocolmo, que você abraçou o mickey. é como se, com o outro sabendo, eu realmente tivesse feito. é uma segurança de que eu sou eu. eu existo mesmo, não sou uma miragem.

e só existo pelo olhar do outro, e preciso que o outro me veja o tempo todo e diga: “a foto com o mickey ficou legal”.

 

E aqui o encontro inteiro. Bote o fone, sem pressa e deguste tudo!


Link: http://www.cpflcultura.com.br/wp/2014/05/27/narcisismo-e-depressao-com-teresa-pinheiro/

 

 

As selfies mais irritantes das celebridades - Blog Social 1.

 

malala 640x638 Malala, a garota  paquistanesa que foi atacada pelo Talebã porque queria estudar, ganha o Prêmio Nobel da Paz

A história de Malala está em todo lugar, mas se você quiser ler um texto completo em português, recomendo este link da BBC Brasil.  Em resumo, Malala é uma garota paquistanesa que em 2012 foi atacada pelo Talebã, a polícia religiosa, que atirou em sua cabeça quando a menina chegava à escola. O motivo? Malala defendia o dreito de ir a escola e estudar, no blog anônimo que escrevia. O Talebã proibe que garotas estudem. Isso mesmo, para o Talebã, meninas não podem ir a escola e aprender. O tiro que tentou matar Malala foi disparado em 9 de outubro de 2012, quando ela tinha 15 anos.

Malala foi levada a Londres para tratamento, onde acordou de seu coma para encontrar sua vida transformada.

Em seu aniversário de 16 anos fez um discurso na sede da ONU e tornou-se conhecida em todo o mundo. Lançou um livro contando sua vida.

E hoje, recebe o Prêmio Nobel da Paz.

Não tem como a gente não se emocionar. É o reconhecimento da civilidade sobre o retrocesso, a vitória da liberdade sobre o preconceito tacanho. O prêmio de Malala deve ser celebrado por todos nós.

 

PS - Se quiser dar uma espiada no livro da Malala, tem no Google Books. 

9 de outubro de 2014 às 15h11

Ponte maravilhosa!

A ponte tá maravilhosa. mas essa água passando, tá bem suja, hein?
Parece o Rio Tietê em São Paulo!

Embed Wilkes888's post on Vine.

8 de outubro de 2014 às 07h28

Enquanto há vida…

Acordamos assim: um extenso estudo diz que o orgasmo vaginal não existe. -> The-vaginal-orgasm-doesn-t-exist

Em compensação, outro estudo igualmente extenso, mas um pouco mais amplo, diz que pode mesmo haver vida depois da morte. E que experiências de quase-morte ou em que a pessoa sente o corpo 'fora do corpo'  existem mesmo.

Que bom. Melhor assim do que ter uma experiência comprovada de quase-orgasmo e descobrir que a vida acaba e não tem nada depois, nem um cigarrinho com a pergunta "foi bom pra você?"

Julia Petit é a nova parceira de gigante da maquiagem - Mulher - R7 Moda e Beleza.

Taí uma pessoa que merece os parabéns. Grande conquista. You go girl!

A atriz de Winnipeg, Canada, Johanna Stein, fez um vídeo mostrando como uma mãe pode ser 'insultada' pelas sinceridades de seu próprio rebento.

E viralizou.

2 de outubro de 2014 às 20h27

A tag #RIPSophia do Twitter

A gente ouve falar da "Internet das coisas" e fica em dúvida sobre o que isso quer dizer. Esse documentário vai ajudar a esclarecer o significado da expressão.

A sugestão veio de uma querida leitora, a Fernanda, via email:

"O documentário foi produzido pela Pagtel sobre Internet das Coisas. O vídeo estabelece um debate sobre como a IoT irá revolucionar nossas vidas e conta com depoimentos bem interessantes de pessoas como, Rot Van Kranenburg, diretor do Internet of Things Council da União Européia, Michael Rogers, futurologista do The New York Times, Bruno Tozzini, criador do primeiro wereable brasileiro, entre outras pessoas."

Espero que vc goste.

2 de outubro de 2014 às 15h15

Qual é a sua bandeira?

fotoria 640x353 Qual é a sua bandeira?

Excelente qualidade de áudio e vídeo do debate "Qual é a sua bandeira?" do #RiaFestival

"Conversa que aconteceu no dia 28/08 no RIA Festival sobre ativismo digital e mobilização social na internet com Jeremy Heimans, Carla Mayumi, Bruno Torturra, Rodrigo Bandeira e Rosana Hermann."

Veja o debate:

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com