Rosana Hermann

14 de janeiro de 2015 às 06h40

Receita fácil de delicioso sorvete de banana!

Fácil e gostoso. Só seguir!

12 de janeiro de 2015 às 15h40

>—–>E a paz foi selada. Final feliz.

Se você leu o post "primeiro bate boca de 2015" talvez goste de saber como terminou a história.

Hoje, assim que cheguei à praia, antes mesmo de abrir a cadeira, a moça do mercado veio até mim e disse que queria pedir desculpas. Ela falou coisas sinceras e bacanas, que vieram do coração mesmo. De alguma forma minhas palavras ecoaram e fizeram sentido pra ela.

A gente se abraçou, eu disse que estava tudo bem, que ela estava perdoada, que estávamos zeradas e prontas para começar um ano novo de paz.

Dei parabéns a ela pela coragem e pela atitude de reconhecer e me procurar.

Fiquei muito feliz.

Rimos, demos mais um abraço. Ela perguntou se eu era professora. Eu disse que sim. Ela também é. E me elogiou dizendo que eu sei dar boas broncas.

icon smile >     >E a paz foi selada. Final feliz.

Coisa boa pra uma segunda feira!

 

 

10 de janeiro de 2015 às 19h37

>=====> Primeiro bate-boca de 2015

O mercadinho inteiro parou pra assistir. Eu, batendo boca com uma moça de vinte e poucos anos, acompanhada da mãe, talvez um pouco mais velha que eu.

Por que?

Respondo já. Senta que lá vem história.

A margarina sem sal acabou aqui em casa. Meu marido tem pressão alta e, além de substituir o sal tradicional por um que contém 60% menos cloreto de sódio, compro produtos sem sal. Assim, fui até a pequena geladeira no mercado procurar o produto, uma Doriana sem sal pequena, mais conveniente pra nós dois.

Parei diante da geladeira e não conseguia ver nenhuma Doriana pequena sem sal. O problema é que eu não enxergo direito e não conseguia ver os rótulos. Pedi ajuda para um funcionário do mercado que veio me atender. Entendi que selinho verde era sem e vermelho era com, mas não tinha embalagem pequena sem sal.

Do nada surgiu a moça do meu lado e apontou uma Doriana grande:

- Essa aqui é sem sal, tá escrito que é sem sal - disse meio estupidamente.

- Mas é grande, eu queria pequena.

E o moço:

- Pequena não tem, só grande.

- Fazer o quê, vou levar essa mesmo, obrigada - e agradeci ao rapaz.

Assim que virei a gôndola, ouvi a moça falando mal de mim. Dizendo 'essa gente vem aqui pra Barra do Una só pra encher o saco, fica reclamando que não tem a margarina pequena, que TEM que ser sem sal e nem sabe VER uma embalagem!

e bla bla bla bla bla

Na esquina dei de cara com ela, ainda falando mal de mim.

E enfrentei a garota;

- Ah que bonito! Você falando mal de mim! O que eu fiz de errado, você pode me dizer?

Ela ficou nervosa e muda. A mãe reclamava com ela:

- Fica quieta! Viu só! Eu falo pra você parar com isso. (a mãe dela era legal)

- Qual o problema, me fala? - insisti

E ela:

- Nem adianta falar com você, você não entende, nem vai entender! Meu mundo não tem nada a ver com o seu, eu sou de outro mundo.

- Ah, é? De que mundo você é? Do Planeta "Falta de educação"? Fala na minha cara, por favor, o que eu fiz que te incomodou?

A moça:

- Você, todo mundo, uma gente MIMADA! "porque TEM QUE SER SEM SAL!" Se não tem sem sal não pode! Mimada! Que nem sabe ver uma embalagem!

Nessa altura o mercado parou porque isso foi na fila cheia.

E então eu olhei BEM nos olhos dela e disse:

- Tem que ser sem sal, sim, porque meu marido é hipertenso. Você sabe o que é isso? Sabe o que é chegar aos 60 anos com pressão alta?  Por isso tem que ser sem sal. E sabe porque eu pedi ajuda? Porque eu não enxergo mais. Você sabe quão constrangedor é ficar velha e não enxergar uma simples embalagem? E ter que pedir ajuda? E você diz que eu sou mimada por isso? Porque meu marido e eu temos problemas por sermos mais velhos? Você me respeite, menina e vá aprender a ter mais educação. Você vai ser velha um dia e vai ver como é difícil.

- Ah, eu não sabia que você não enxergava bem.

- Se não sabe, não julga, não conclua. Até porque eu não chamei você, eu pedi ajuda pro rapaz do mercado. Eu só queria comprar uma margarina pequena sem sal, não fiz nada de errado.

Eis que a mãe dela chama o mesmo rapaz porque não achava um produto na gôndola porque não estava enxergando direito.

No meio do bate boca, alguém gritou de um dos caixas:

-  O que tá acontecendo?

E eu:

- O que tá acontecendo é que tem uma mocinha aqui levando uma lição de moral pra aprender a respeitar as pessoas.

Ela entrou na fila, eu também.  Fui atendida primeiro. O sistema caiu. Fomos todos pagar em outra maquininha. Conversei com a mãe dela. A mãe é legal, a filha é que é um porre, totalmente desajustada.

Meu marido estava na rua, mas ouviu a discussão. Disse que a moça parecia desajustada mesmo. Se ela é assim e não tem culpa, que vá se tratar, porque eu também não tenho culpa e não quero ser julgada ou mal-tratada.

Pronto. Primeiro bate-boca de 2015,

(x) checked!

 

Siga ao vivo o desfecho do sequestro com reféns em Paris - Notícias - R7 Internacional.

AO VIVO: polícia francesa cerca suspeitos de ataque a Charlie Hebdo - Notícias - R7 Internacional.

 

O link:

Scoop JSSNews: Les noms (et deux visages) des terroristes de Charlie Hebdo dévoilés:

Saïd Kouachi, //   Chérif Kouachi et Hamyd Mourad !

 

via  JSSNews.

 

O que foi publicado pelo JSSNews, a ser confirmado:

 

foto1 634x640 >=====> Scoop JSSNews: os nomes e rostos dos 3 terroristas que atacaram Charlie Hebdo.

foto2 >=====> Scoop JSSNews: os nomes e rostos dos 3 terroristas que atacaram Charlie Hebdo.

foto3 >=====> Scoop JSSNews: os nomes e rostos dos 3 terroristas que atacaram Charlie Hebdo.

foto4 640x431 >=====> Scoop JSSNews: os nomes e rostos dos 3 terroristas que atacaram Charlie Hebdo.

 

 

m71qiaB >>>>=====>> Jura que vai dar pra ESCOLHER o humor do dia? Pode botar nos filhos, maridos, mãe, vizinhos?

O nome é Thync. De Think, claro.

A ideia é colocar esses negócios na cabeça e receber neurovibrações que colocam você em diferentes 'estados de espírito'.

Quero botar e entrar em modo Zen, modo Praia, modo Ano Sabático, Modo Ninguém Me Enche o saco, etc.

Modo avião eu já tenho.

Vamos aguardar.

Visite o site - http://www.thync.com/

CES 2015: Thync Electrically Pulses Your Brain to Change Mood - PSFK.

Em maio do ano passado (ou seria retrasado?) indiquei o Moovit, um aplicativo que dá informações sobre transporte público. Na época ninguém se interessou, ninguém viu o vídeo.

 

Uma mão na roda: aplicativo para celular dá informações sobre transporte públicoRecord News.

Reparei agora que na Globo estão usando o aplicativo Moovit (com logotipo e NOME do aplicativo na tela) para falar de trânsito num jornal.

Fiquei pensando naquela coisa de sempre. Às vezes a gente passa uma informação bacana e ninguém vê, ninguém se interessa, ninguém quer saber. Tempos depois, vira sucesso. Quer dizer, não á apenas A informação, mas como, por quem, quando e como ela é passada que determina o resultado. Às vezes o momento não é o ideal. Tem hora e lugar pra tudo!

Enfim, Moovit.

A ge:nte sabe que o Brasil é recordista de raios, mas a sensação é que mais pessoas estão sendo atingidas.

Acabei de ler isso

Seringueiro morre após ser atingido por raio no interior de SP - Notícias - R7 São Paulo.

Se você entrar no Google News e digitar "atingido por um raio" vai encontrar MUITOS resultados.

Muito cuidado. Se estiver chovendo, se você ouvir trovões, procure um abrigo seguro. E nada de ficar em lugares abertos, perto de árvores, guarda-sol, etc.

 

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com