Rosana Hermann

16 de outubro de 2014 às 11h47

Vou hoje pra Berlin

E como sempre, deixo aqui as fotos mais recentes do Instagram para me comunicar via texto e imagem, conforme a viagem for seguindo.
icon smile Vou hoje pra Berlin

16 de outubro de 2014 às 11h25

Obrigada, Vitória

Fui para Vitória, Espírito Santo pregar a palavra da Internet. Quer dizer, fui fazer uma palestra pra um grupo simpaticíssimo do ESAFI.

 

Pregando a palavra da Internet

 

 

 

Aproveitei pra correr um pouquinho também.

Sim, tem duas horas. Mas vale cada minuto.
Leandro Karnal é culto e divertido.
As verdades que ele diz são profundas, muito bem fundamentadas e certamente vai reorganizar muita coisa dentro de você.
Reserve um momento para si, coloque os fones e acompanhe TUDO.
Absolutamente maravilhosa.

Domingo à noite tem café filosófico na TV Cultura. Ontem vi uma palestra tão boa que quero vê-la na íntegra novamente.  Foi sobre GULA, com Luis Estevam de Oliveira Fernandes. Está no site. 

Quando acabou fui ver o arquivo da CPFL, que oferece o café filosófico e encontrei a palestra com a psicanalista Teresa Pinheiro, sobre narcisismo e depressão.

Aqui, um comentário dela sobre o selfie:

 

 

selfie

a gente passa por um período em que é preciso reafirmar a existência. é como se a gente precisasse de provas de que a gente existe. essas provas podem ser: malhar cinco horas e chegar morrendo de dor porque eu sei exatamente onde terminam todos os meus músculos e eu existo. e podem ser osselfies. o selfie pode ser alimentar o olhar do outro. com ele o outro vai saber que você visitou estocolmo, que você abraçou o mickey. é como se, com o outro sabendo, eu realmente tivesse feito. é uma segurança de que eu sou eu. eu existo mesmo, não sou uma miragem.

e só existo pelo olhar do outro, e preciso que o outro me veja o tempo todo e diga: “a foto com o mickey ficou legal”.

 

E aqui o encontro inteiro. Bote o fone, sem pressa e deguste tudo!


Link: http://www.cpflcultura.com.br/wp/2014/05/27/narcisismo-e-depressao-com-teresa-pinheiro/

 

 

As selfies mais irritantes das celebridades - Blog Social 1.

 

malala 640x638 Malala, a garota  paquistanesa que foi atacada pelo Talebã porque queria estudar, ganha o Prêmio Nobel da Paz

A história de Malala está em todo lugar, mas se você quiser ler um texto completo em português, recomendo este link da BBC Brasil.  Em resumo, Malala é uma garota paquistanesa que em 2012 foi atacada pelo Talebã, a polícia religiosa, que atirou em sua cabeça quando a menina chegava à escola. O motivo? Malala defendia o dreito de ir a escola e estudar, no blog anônimo que escrevia. O Talebã proibe que garotas estudem. Isso mesmo, para o Talebã, meninas não podem ir a escola e aprender. O tiro que tentou matar Malala foi disparado em 9 de outubro de 2012, quando ela tinha 15 anos.

Malala foi levada a Londres para tratamento, onde acordou de seu coma para encontrar sua vida transformada.

Em seu aniversário de 16 anos fez um discurso na sede da ONU e tornou-se conhecida em todo o mundo. Lançou um livro contando sua vida.

E hoje, recebe o Prêmio Nobel da Paz.

Não tem como a gente não se emocionar. É o reconhecimento da civilidade sobre o retrocesso, a vitória da liberdade sobre o preconceito tacanho. O prêmio de Malala deve ser celebrado por todos nós.

 

PS - Se quiser dar uma espiada no livro da Malala, tem no Google Books. 

9 de outubro de 2014 às 15h11

Ponte maravilhosa!

A ponte tá maravilhosa. mas essa água passando, tá bem suja, hein?
Parece o Rio Tietê em São Paulo!

Embed Wilkes888's post on Vine.

8 de outubro de 2014 às 07h28

Enquanto há vida…

Acordamos assim: um extenso estudo diz que o orgasmo vaginal não existe. -> The-vaginal-orgasm-doesn-t-exist

Em compensação, outro estudo igualmente extenso, mas um pouco mais amplo, diz que pode mesmo haver vida depois da morte. E que experiências de quase-morte ou em que a pessoa sente o corpo 'fora do corpo'  existem mesmo.

Que bom. Melhor assim do que ter uma experiência comprovada de quase-orgasmo e descobrir que a vida acaba e não tem nada depois, nem um cigarrinho com a pergunta "foi bom pra você?"

Julia Petit é a nova parceira de gigante da maquiagem - Mulher - R7 Moda e Beleza.

Taí uma pessoa que merece os parabéns. Grande conquista. You go girl!

A atriz de Winnipeg, Canada, Johanna Stein, fez um vídeo mostrando como uma mãe pode ser 'insultada' pelas sinceridades de seu próprio rebento.

E viralizou.

2 de outubro de 2014 às 20h27

A tag #RIPSophia do Twitter

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com