Rosana Hermann

3 de abril de 2005 às 17h44

Grazi, ela

A beleza de Grazi é hipnotizante. Impressiona, porque além de ter traços lindos e um corpo perfeito, ela é toda colorida, uma explosão européia nos trópicos. E ainda por cima, é simples. Como todo mundo diz, 'uma fôfa'. Acho que o grande vencedor foi mesmo o Alan. Que namorada, hein!

3 de abril de 2005 às 16h11

Ditado e feito

Depois do Severino ter falado, dito, gritado,frases como:

."É um absurdo! Isso é salário de caminhoneiro" (sobre sua remuneração de R$12.700, 00 por mês)
."se tivesse mais filhos, o número de empregados seria ainda maior”(sobre o nepotismo )
."Câmara dos Deputados não vai ser apenas o supositório do Poder Executivo".

acabei de ler, que "a embaixadora do Brasil no Vaticano, Vera Barroim Machado, confirmou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva irá ao funeral do papa João Paulo 2º acompanhado pela primeira-dama Marisa Letícia, pelo ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, e pelos presidentes da Câmara, Severino Cavalcanti, e do Senado, Renan Calheiros"

Fica provado o dito popular: quem tem boca, vai a Roma.

 

3 de abril de 2005 às 15h57

Direito à dúvida

Faça uma crítica em qualquer lugar da Internet, a qualquer coisa, pessoa, bicho ou lugar e sempre aparecerá alguém defendendo esta pessoa, bicho, lugar ou pessoa como se você estivesse falando sobre ela em particular. Se todos esses humanos, natos defensores de tudo e todos, estudassem direito, teríamos os mais apaixonados advogados de defesa do mundo. O que intriga é: o fato de uma pessoa defender ferrenhamente algo ou alguém que não lhe diz respeito, significa que ela é uma gentil defensora planetária, tem uma procuração divina e generéica ou que ela está usando a crítica para criticar o crítico porque ela adora criticar? E se alguém criticar o crítico que fez a crítica em outro lugar da rede, ela também irá até lá defendê-lo?

Fica a dúvida. Fica também outra pergunta:

- como esta pessoas reagem diante dos meios de comunicação que nem ao menos oferecem a possibilidade de comentar? elas ficam gritando para o rádio e a tv? mandam cartas pra redação dos jornais e revistas? ou esse fenômeno só acontece na rede justamente onde os comentários são abertos? Será que é por isso que alguns blogs não abrem comentários para os leitores?

E por que o São Paulo não marca logo um gol??

 

3 de abril de 2005 às 15h47

Doe Sangue

O leitor Gabriel entrou nos comentário e deu o toque. Vamos lembrar, aqui no blog, a importância de doar sangue. Se você tiver a oportunidade, não deixe de fazê-lo. Um dia a gente doa, um dia a gente precisa. O sangue de um é o sangue de todos. Informações e detalhes, em vários sites, como o da fundação pró-sangue.

3 de abril de 2005 às 10h23

YaGooHooGle?

Alexandre Pinho mandou o link. O search engine busca nos dois, Yahoo e Google. O layout é meio pofebrinho, mistura de pobre com feinho.

Aproveite pra ver uma bobagem: gizzoogle

2 de abril de 2005 às 23h25

Orgulho II

De uma coisa posso me orgulhar: nunca assisti ao teste de fidelidade do João Kléber. Aliás, nunca assisti ao programa, nem sei se é só teste ou se tem alguma coisa. Acho que vou incluir isso no meu currículo.

2 de abril de 2005 às 23h04

bom domingo

e ja sabe, don't worry, be happy.

Posts Relacionados

2 de abril de 2005 às 22h56

Ibope

O Montenegro do Ibope fez uma comparação muito estranha, pra dizer o mínimo, numa entrevista para Amaury Jr. Que cada país só pode ter um medidor, um instituto, porque o Ibope é como um termômetro. Quer dizer que cada país só pode ter um termômetro? E aí um cara que estava com ele,o Leleco, filho do Chacrinha, criticou o Silvio Santos que tentou ter seu próprio instituto, o Datanexus, dizendo "como é que o dono da emissora vai ter um instituto pra julgar ele mesmo?" Quer dizer que Ibope...julga? Eu pensei que medisse, apenas.

PS - e o que é o Montenegro dizendo "a nivel de" sem parar?

Posts Relacionados

2 de abril de 2005 às 22h24

Rio de Janeiro

Na sexta-feira, acordei bem cedo e liguei o pc. Fui ver o blog da Cora e dei de cara com um post falando sobre a chacina da Baixada Fluminense e Queimados, publicado de madrugada. Inaceitável.

Posts Relacionados

2 de abril de 2005 às 22h11

Filme

Estamos vendo um filme, chamado Irmãs Gêmeas. Como pano de fundo, a segunda guerra.Bem interessante. Duas meninas gêmeas alemãs são separadas no dia que ficam órfãs. Cada uma vai levar uma vida diferente, uma vai para a Holanda e se casa com um judeu e outra casa com um oficial nazista.

Posts Relacionados

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com