"Contundente", "virulento", "dura", "áspera": estes foram alguns dos adjetivos empregados pela imprensa internacional para qualificar o discurso da presidente Dilma Rousseff nesta terça-feira na abertura da Assembleia-Geral da ONU, em que ela acusou... Continue lendo