Faz mais de cinco anos deixei de dirigir. Vendi meu carro, guardei a carteira de motorista na gaveta e virei pedestre ou passageiro. Foi melhor assim para não colocar em risco a minha vida e a dos outros. Nunca fui um bom motorista e, com o tempo, fui... Continue lendo