Só faltava o Judiciário. Não falta mais: nesta quarta-feira, o ministro Gilmar Mendes rodou a toga e abandonou abruptamente a sessão do STF, bufando contra uma decisão do presidente Ricardo Lewandowski, que deu a palavra a um representante da OAB,... Continue lendo