distrito federal

CASAMENTO BLINDADO

Quem não gostaria de ter um casamento assim? Blindado? À prova de qualquer desavença, de qualquer briga? Pode vir chumbo grosso, que o casamento, de tão sólido, não desmorona. Acho que qualquer um gostaria de ter um casamento assim.

Afinal, quem é que casa para separar? Nós casamos para ficar juntos até que a morte nos separe, mas para que isso aconteça é preciso conhecer o caminho. O caminho está no livro “Casamento Blindado” , dos autores Renato e Cristiane Cardoso. Eu pude ir até o lançamento do livro aqui em Brasília. A fila para autógrafos, impressionou. O livro ficou esgotado na livraria de um shopping da cidade já no primeiro dia. Prova de que os casais estão mesmo preocupados em manter a instituição casamento.

 O livro é muito interessante. São 271 páginas. Mas aqui eu vou falar apenas dos ensinamentos de um capítulo. Quem quiser saber mais, é só comprar o livro. (risos) Lendo o capítulo “A raiz de todos os divórcios e casamentos infelizes” deu para refletir sobre muita coisa que se torna uma pedra nos relacionamentos.

O aprendizado que tirei de apenas um capítulo:

 -Quando você casa você precisa pensar mais como nós e menos como eu

 - A raiz de todos os divórcios e casamentos infelizes é o coração endurecido. Isso é uma referência aos sentimentos endurecidos.

- O orgulho é o concreto dos corações.

 -É preciso humildade para aproveitar o que o casamento tem de melhor.

E o que eu achei mais bacana ainda:

-Você perdeu o direto de pensar apenas em si mesmo no dia em que assinou uma certidão de casamento. 

Aproveitem os ensinamentos do livro. O casal já está junto há muito tempo e temos muito o que aprender com eles.

 Be happy. Seja feliz sempre. Beijos. Tati Flores

Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com