07
janeiro
às 13h00

Uma mulher acusa o ex-marido de tortura. Ela teria sido obrigada a beber gasolina.
Mesmo depois de quatro denúncias na delegacia, ele ainda está solto.

Deus só deu à mulher a condição de gerar uma vida.

A mulher guerreira, corajosa, pega os filhos, coloca em baixo do braço e vai fazer a sua vida longe da violência.

Algumas dizem: “Eu aguento por causa dos meus filhos”. Não é referência os filhos serem criados vendo o pai batendo na mãe.

Denuncie não aceite violência.

Presta atenção! Chega em casa meu irmão. Hoje é sexta-feira (7) dia de dar beijo na boca, de fungar o cangote.

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
24
dezembro
às 12h24

Eu não estou entendendo nada...a mulher foi com o "Ricardão", passou a noite no motel, simulou o sequestro, o marido chamou a polícia, foi na parada viu que ela tava "pá e bola" e ainda quis dar uma proprina para a polícia.

Foi todo mundo para a cadeia.

Eu não sou baú, eu não guardo dinehiro, vou guardar segredo?

Todo castigo para corno é pouco.

Clique aqui e leia a matéria do R7

Espalhe por aí:
  • RSS
  • Live
  • del.icio.us
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google Bookmarks
Ir para a home do site
Todos os direitos reservados - 2009- Rádio e Televisão Record S/A
exceda.com