Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Carros/Notícias

NOTÍCIAS  

Publicado em 18/12/2012 às 01h30

Fila de espera para entrega do Hyundai HB20 gera onda de desistentes

Demora de até 90 dias fez com que consumidores fossem atrás da concorrência

OnixDivulgação

Com preço próximo, o Chevrolet Onix é um dos carros que se beneficiam dos ex-futuros donos do HB20


 
Rodrigo Ribeiro, do R7

Não há segredo: quando a procura por um carro é maior do que sua produção, a fila de espera para comprar um é inevitável. Mas se você adiciona a essa equação o interesse súbito em um determinado modelo e uma capacidade produtiva relativamente baixa, o resultado é uma espera quase interminável, podendo durar mais de um trimestre. É o que está acontecendo com o Hyundai HB20, um dos maiores lançamentos do ano.

Desde sua apresentação o modelo já provocou o interesse súbito de muita gente, que começaram a reservar o carro tão logo isso fosse possível. O resultado foi que, logo após as vendas, a Hyundai Motor Brasil (HMB) já havia vendido mais de 50 mil carros, sendo que apenas metade disso seria fabricada até o final de 2012.

A empresa sabe desse problema, e já tomou as medidas necessárias para evitar maiores transtornos, como explicou ao R7 Carros Maurício Jordão, gerente de relações públicas da HMB.

Leia mais: Demora, descaso e esperança marcam as primeiras vendas do HB20 no Brasil

— Estamos produzindo em dois turnos e não iremos exportar o HB20 a outros países da América Latina enquanto não atendermos à demanda brasileira.

A postura da marca, contudo, não convenceu uma onda de clientes que, cansados de esperar pelo carro, acabaram apelando para a concorrência. Esse foi o caso do funcionário público Demilson Soares, 43, que esperou um mês e meio por seu HB20.

— O carro não chegava nunca, e após ler algumas críticas sobre ele acabei desistindo e comprei, na mesma semana em que peguei o dinheiro de volta, um Chevrolet Onix.

Divulgada amplamente pela imprensa e por fóruns especializados, como o HB20 Clube, a lista de espera desanimou até quem sequer reservou o carro, como o brasiliente Bruno Araújo, 33.

— Eu ainda estava no ínicio de uma pesquisa para comprar um carro novo, mas não cheguei nem a ir a uma concessionária. O HB20 me chamou muito a atenção, mas eu nunca esperaria tanto tempo por carro nenhum.

Leia mais: sem peças no mercado paralelo, donos do Hyundai HB20 ficam sem som no carro

A reportagem de R7 Carros entrou em contato com quinze concessionárias, em sete cidades brasileiras, e todas as revendas não tinham o carro em pronta-entrega, afirmando que o HB20 chegaria em um período que variava de sete a até 90 dias. E é justamente esse prazo que tanto incomoda alguns clientes, como o administrador Cláudio Soares, 36.

— O que me irrita não é esperar 15 dias pelo carro, e sim, ligar pra concessionária após esse prazo e ouvir uma nova data, que dificilmente será cumprida.

Com a demanda ainda em alta, não há previsão da fila de espera do HB20 acabar pelos próximos meses. Para piorar, com o lançamento dos futuros HB20X (versão aventureira) e da variante sedã do modelo, que dividirão a já comprometida produção da fábrica em Piracicaba (SP), a tendência é que a espera por um carro da HMB continue por todo o ano de 2013. Nesse período, o negócio é ter muita paciência — ou apelar para a concorrência.