Small-house Faça do R7.com sua página inicial

SIM NÃO

Cidades

24/3/2013 às 01h10

Advogado de sócio da Kiss deve entrar com pedido de habeas corpus na segunda

Mauro Hoffmann e outras 15 pessoas foram indiciadas pela tragédia em Santa Maria

Do R7, com Rede Record

O advogado de Mauro Hoffmann, um dos sócios da boate Kiss, pretende entrar na segunda-feira (25) com um pedido de habeas corpus. Mário Cipriani informou que deseja conseguir na Justiça que seu cliente responda ao processo em liberdade.

No total, o inquérito, apresentado na tarde desta sexta-feira (22), indiciou 16 pessoas pelas 241 mortes e pelos 623 feridos no incêndio na boate. O documento é composto por 13 mil páginas divididas em 52 volumes e foi entregue na 1ª Vara Criminal por Arigony e Sandro Meinerz, delegados responsáveis pela investigação.

O Ministério Público tem cinco dias úteis para se pronunciar se aceita ou não a denúncia contra os envolvidos. O órgão informou que organizou um mutirão para a análise do inquérito e que pretende entregar o caso ainda dentro do limite. O promotor Joel Oliveira Dutra junto a outros dois promotores irão se dedicar exclusivamente analisar as informações da Polícia Civil com exclusividade.

Indiciados

Foram indiciados criminalmente por homicídio com dolo eventual — quando se assume o risco de matar — o cantor e produtor da banda Gurizada Fandangueira, Marcelo de Jesus dos Santos e Luciano Bonilha Leão; os dois sócios da boate Kiss, Elissandro Spohr e Mauro Hoffmann; o gerente do estabelecimento, Ricardo de Castro; a mãe e a irmã de Spohr, Marlene Teresinha Calegaro e Ângela Calegaro e dois bombeiros que realizaram vistoria no local antes do incêndio: Gilso Martins Dias e Vagner Guimarães Coelho.

O atual secretário municipal de Mobilidade Urbana, Miguel Caetano Passini, o secretário municipal do Meio Ambiente, Luiz Alberto Carvalho Junior, o chefe da fiscalização da Secretaria de Mobilidade Urbana, Beloyannes Orengo de Pietro Júnior, e o funcionário da secretaria de Finanças que emitiu o alvará de localização da boate, Marcus Vinicius Bittencourt Biermann, responderão por homicídio culposo - quando não há intenção de matar.

Já o major Gerson da Rosa Pereira e o sargento Renan Severo Berleze, do Corpo de Bombeiros, que incluíram documentos na pasta referente ao alvará da boate, foram indiciados por fraude processual.

O ex-sócio da boate, Elton Cristiano Uroda, vai responder por falso testemunho.

Presos

Desde o dia 28 de janeiro, dois integrantes da banda Gurizada Fandangueira — o vocalista Marcelo de Jesus dos Santos e o produtor musical Augusto Bonilha Leão — estão presos. O grupo, que se apresentava na casa noturna no momento da tragédia, teria usado um sinalizador — uma espécie de fogo de artifício chamado "sputnik" — que, ao ser lançado, atingiu a espuma do isolamento acústico, no teto da boate. As chamas se alastraram em poucos minutos. Dois sócios da Kiss, Elissandro Spohr e Mauro Hoffmann, também estão presos.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Compartilhe
Saudade

Foto inédita do Google de jovem morta na tragédia em Santa Maria emociona pai

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Deixaram saudade

Acidentes aéreos tiraram a vida de personalidades do País; relembre

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Filhos da tragédia

Saiba como estão as crianças que ficaram sem os pais após crimes bárbaros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Fim de casamento

Ex é suspeito de ter esganado jovem achada morta em motel de Pernambuco

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Cidades

  • Últimas de Notícias

Compartilhe
Caso Bernardo

RS: madrasta é suspeita de aplicar injeção letal em garoto encontrado morto em saco

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!