R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

28 de Agosto de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Cidades/Notícias

Icone de Cidades Cidades

publicado em 27/06/2011 às 11h20:

Desavença com colegas pode ter
causado morte de estudante no PR

Louise Sayuri Maeda estava desaparecida e seu corpo foi encontrado recentemente

Do R7, com São Paulo no Ar

Publicidade

A polícia investiga se a morte da estudante Louise Sayuri Maeda, de 22 anos,teria sido por desavenças com as duas colegas suspeitas de terem participado de seu assassinato, a 20 km de Curitiba (PR). Louise estava desaparecida desde o dia 31 de maio e teve o corpo encontrado no último dia 17.

Na quinta-feira (23), aconteceu o velório de Louise, cujo corpo foi cremado na capital paranaense.

Ela foi encontrada por um agricultor na beira do rio Iguaçu, próximo a região metropolitana de Curitiba no dia 17 deste mês e estava desaparecida desde o dia 31 de maio. De acordo com a polícia, a suspeita é de que o corpo da estudante foi jogado no rio e levado pela correnteza até uma chácara próxima do local onde foi localizado. Segundo a corporação, a universitária levou um tiro na cabeça. Como estava em estado de decomposição, o reconhecimento foi feito em exames no Instituto Médico Legal (IML).

A família conta que a última vez que tinham falado com a filha foi quando ela ligou do trabalho dizendo que o celular estava sem bateria e pediu para o pai ir buscá-la no ponto de ônibus. Após a jovem não voltar para a casa, dois dias depois a família registrou o desaparecimento.

Em depoimento, uma das jovens detidas disse que os suspeitos do crime tinham combinado ir a um bar. A outra suspeita teria dito que precisava dar uma bronca em Louise e que ia ter uma conversa com ela.

O plano envolvia um terceiro comparsa, que era primo de uma das suspeitas. Élvis de Souza, de 20 anos, se entregou à polícia na quinta-feira. Eles convidaram a vítima para sair de carro, por isso, em vez de ir ao ponto de ônibus, ela entrou no automóvel.
Segundo a polícia, após isso, eles saíram da cidade e pegaram uma estrada escura. Uma das suspeita simulou que estava passando mal e todos desceram do carro. Souza e uma das suspeitas então se afastaram com Louise e executaram a jovem. Depois disso, o trio teria voltado a cidade.

Com uma das suspeitas, a polícia encontrou R$ 2.440. Ela alegou que o dinheiro era economia para investimento em um imóvel. A polícia, no entanto, não acredita nessa versão.

A polícia ouviu Souza por cerca de três horas, mas o delegado Marcelo Lemos de Oliveira, responsável pela investigação, preferiu não divulgar detalhes. Ele apenas confirmou que não tem dúvidas da participação dos três presos. O advogado de Souza, Marcos Antonio Germano, também não divulgou o conteúdo do depoimento, mas deu a entender que vai fortalecer a tese de inocência.

– A gente sempre quer chegar na verdade real dos fatos e a gente trabalha com provas. Ele não nega [que conhecia as meninas, mas a princípio ele é inocente. 

A primeira hipótese levantada pela polícia para a morte de Louise é que ela teria descoberto possível desfalque no caixa da empresa que supervisionava - ela trabalhava em uma sorveteria de um shopping. No entanto, esse rumo de investigação foi descartado em razão de o proprietário não ter observado qualquer problema no caixa. Por ter um relacionamento com Márcia e uma bolsa de Louise ter sido encontrada com ele, Souza foi incluído entre os suspeitos. Seu carro também está passando por perícia.

O trio cumpre prisão temporária de 30 dias. Eles podem ser indiciados por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Ainda falta encontrar a arma usado no crime e confirmar qual dos três efetuou os dois disparos que mataram a jovem.

Assista ao vídeo:

 


Veja Relacionados:  desavença, colegas, morte, estudante, PR
desavença  colegas  morte  estudante  PR 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping