R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha
Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Rio e cidades/Notícias

Icone de Rio e cidades Rio e cidades

publicado em 30/01/2010 às 18h39: atualizado em: 30/01/2010 às 16h51

Equipes trabalham para reconstruir estrada
para Sengés (PR); três estão desaparecidos

Cidade ficou isolada por terra e sem comunicação via telefone ou rádio após chuvas

Agência Estadocom R7

O Corpo de Bombeiros de Jaguariaíva, cidade a 40 km de Sengés, onde três pessoas morreram e outras três estão desaparecidas, informou que equipes tentam restabelecer a ligação por terra com o município paranaense isolado pelas chuvas. Pontes e estradas foram destruídas e as equipes de resgate e buscas só conseguiam chegar a Sengés por helicóptero. O capitão dos bombeiros Sanches, de Jaguaraíva, afirmou que equipes trabalham na reconstrução de pista que liga Sengés a Itararé.

Das três pessoas desaparecidas, duas foram levadas pelo rio Jaguariaíva e outra foi soterrada, segundo o capitão. Informações preliminares da Defesa Civil do Paraná dão conta que os três mortos são da mesma família e estavam numa casa que foi arrastada pela força da água. Na região afetada pelas chuvas, 12 pessoas ficaram feridas.

A comunicação por telefone em Sengés também foi prejudicada. Dois helicópteros, dez viaturas do Gost (Grupo de Operações de Socorro Tático) e do Corpo de Bombeiros estão empenhados no socorro às vítimas. As chuvas elevaram o nível de córregos que passam perto da cidade e provocaram alagamentos.

Mapa-Paraná-tragédia-Senges

Outras cidades além de Sengés sofreram danos provocados pelas chuvas. De acordo com boletim da Defesa Civil, 13 cidades foram atingidas e 3.387 pessoas, afetadas.

Arapoti teve 11 casas alagadas e três pessoas ficaram desabrigadas. Em São José da Bela Vista pontes ficaram destruídas e 150 pessoas ficaram desalojadas – foram para casa de parentes ou amigos – e 30 casas foram atingidas.

Perto de Curitiba, Campo Magro está com 80 pessoas desabrigadas, outras cem desalojadas e 150 casas foram atingidas atingidas. Em Almirante Tamandaré cinco casas foram atingidas e 25 pessoas desabrigadas.

 

Estradas – Ao menos três estradas do Paraná tiveram problemas em decorrência das chuvas, segundo as polícias rodoviárias federal e estadual.

A rodovia federal BR-476 (Estrada da Ribeira) teve oito quedas de barreira. O tráfego é parcial em vários desses trechos. O tráfego está liberado apenas para carros. Alguns ônibus percorrem pequenos trechos e orientam os passageiros a fazerem baldeações com outros que seguem em sentido oposto.

As rodovias estaduais PR-151 e PR-090 foram afetadas pelas chuvas. No caso da PR-151 a pista sentido Itararé (SP) teve queda de barreira na altura do km 200 e km 185. Outro trecho danificado é o da altura do km oito da SP-239, em São Paulo.

A altura do km 15 da PR-090 teve um buraco de cerca de sete metros provocado pela chuva. Neste ponto o desvio está sendo feito por Campo Magro. Na mesma rodovia, só que na altura do km 27, parte do asfalto foi rebaixado e o tráfego permanece liberado em meia pista. Nos km 37 e km 39 - trecho de terra - a passagem está bloqueada. Nesses pontos o desvio está sendo realizado por Bateias.

 

Veja Relacionados:  chuva
chuva 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 


 

 


Shopping
Ir para a home do site