R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

22 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Cidades/Notícias

Icone de Cidades Cidades

publicado em 09/11/2010 às 05h10:

Rebelião em prisão deixa pelo menos
nove mortos no Maranhão

Um funcionário da penitenciária ficou ferido. Policiais especializados foram chamados

EFE


Publicidade

Uma rebelião no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, capital do Maranhão, deixou nesta segunda-feira (08) pelo menos nove presos mortos e um funcionário ferido.

Os presos foram assassinados por companheiros de cárcere - três deles foram decapitados. Já o funcionário da penitenciária, baleado em uma perna e nas costas, foi socorrido e depois hospitalizado.

Às 23h (0h desta terça-feira em Brasília), cinco carcereiros continuavam reféns dos presos, 14 horas depois do início do motim, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública. Os amotinados tomaram o controle de um dos pavilhões do complexo penitenciário na manhã desta segunda-feira, após pegarem a arma do funcionário que foi ferido.

Ajuda federal

Os presos rejeitaram as tentativas de negociação feitas pela PM (Polícia Militar) do Maranhão, que cercou a prisão, o que levou a governadora do Estado, Roseana Sarney, a pedir ajuda ao ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto.

O Ministério decidiu enviar uma equipe de policiais especializados em negociações em um voo fretado, que chegará a São Luís na manhã desta terça-feira, quando será retomado o diálogo com os líderes da rebelião, segundo informou o governo estadual em comunicado.

As autoridades maranhenses, segundo nota oficial, atribuíram o motim ao "estado de tensão permanente" entre facções criminosas, que é acentuado pelo problema de "aglomeração" comum à maioria de prisões brasileiras.

Maior centro penitenciário do Estado

O Complexo Penitenciário de Pedrinhas é o maior do Maranhão, com seis unidades e capacidade para cerca de 2.000 presos. Segundo a imprensa, no entanto, teria cerca de 4.000 detentos. A capacidade máxima do módulo no qual ocorreu a rebelião é de cem presos, mas abrigava cerca de 200.


 
Veja Relacionados:  rebelião, maranhão, refém
rebelião  maranhão  refém 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping