Cidades

18/1/2013 às 14h25 (Atualizado em 18/1/2013 às 16h17)

Em brincadeira, policial militar se passa por bandido e é morto por colega no Mato Grosso

Policiais era amigos, vizinhos e trabalhavam no mesmo batalhão

Vanessa Beltrão, do R7

Policial levou dois tiros do próprio colega, sendo um no tórax e outro na virilha Divulgação

Uma brincadeira envolvendo dois policiais terminou em tragédia em Rondonópolis, no bairro residencial Jardins Violeta, Mato Grosso. Um PM se passou por bandido para assustar o seu amigo, que também é policial, e acabou levando dois tiros, um no tórax e outro na virilha, foi socorrido mas acabou não resistindo aos ferimentos e morreu.

Além de amigos e trabalharem juntos, os dois eram vizinhos. Segundo o comandante do 5° batalhão da PM, major Sandro Barbosa, a vítima entrou de moto na garagem do outro PM que estava saindo de carro.

— Quando o portão eletrônico abriu completamente, ele entrou com o capacete e ficou emparelhado na mesma direção do motorista. Virou e gritou: perdeu, perdeu.

O PM que estava dentro do carro não reconheceu o amigo, puxou a arma e atirou. A vítima ainda pulou da moto e tentou fugir, mas caiu minutos depois devido aos ferimentos.

— Tirou o capacete e identificou o companheiro ferido.

De acordo com a polícia, a vítima foi levada para o Hospital Regional de Rondonópolis, mas teve uma parada cardiorrespiratória e morreu por volta da 0h30 desta sexta (18). Os dois têm 35 anos e trabalhavam no 5° batalhão.

Leia mais notícias de São Paulo

Segundo major Sandro Barbosa, o PM que atirou estava andando armado porque tinha matado um criminoso dias antes durante uma troca de tiros.

— Matou um bandido e estava preocupado com a própria vida.

Ele está detido provisoriamente no quartel à disposição da justiça militar. O PM estava em seu dia de folga quando matou o colega. De acordo com o major Sergio Barbosa, a polícia tem uma política rigorosa em relação ao manuseio de armamento.

— É uma brincadeira que não se faz. A gente não brinca dessa maneira. Em 15 anos de serviços, nunca ouvi uma coisa dessas.

O enterro do corpo da vítima acontece no final desta tarde na cidade de Barra do Garças também no Mato Grosso. Ele era casado e tinha uma filha.

Veja mais notícias na nova home do R7

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vitrine de ofertas

Compartilhe
Compartilhe
Pacto de morte coletivo

Pais dizem que filhas não demonstraram variação no comportamento

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Goiânia

Familiares de vítimas de serial killer ficam frente-a- frente com suspeito

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Palmas (TO)

Suspeito de estuprar e matar mulher ri ao ser preso e debocha: “Saio em 3 meses”

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Crime bárbaro

Mãe conta como matou a filha de 7 anos para ritual no PR; ossada é encontrada

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Cidades

  • Últimas de Notícias

Compartilhe
Braço amputado

Tigre ataca menino de 11 anos em zoo do Paraná ; pai responderá por lesão

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!