Afogado em multas pela Lei do Silêncio, bar tradicional de Brasília fecha as portas neste domingo

Café, localizado na 201 Norte, ficou famoso pelos eventos culturais com artistas da cidade

Domingo (20) será o último dia de funcionamento do Balaio Café, na 201 Norte
Domingo (20) será o último dia de funcionamento do Balaio Café, na 201 Norte Divulgação

Chega ao fim neste domingo (20) a história de um dos maiores redutos da cultura de Brasília. O Balaio Café, da 201 Norte, não resistiu às dificuldades impostas pela Lei do Silêncio e vai fechar as portas. O bar funcionou por nove anos. Ficou famoso por ser um reduto de artistas da cidade e por reunir grupos LGBTs, negros e feministas. Com o fechamento, 41 pessoas ficarão desempregadas.

Leia mais notícias no R7 DF

Juliana de Andrade, proprietária do Balaio, afirma que está fechando as portas porque a situação ficou insustentável.

— Além das multas, que ultrapassam a casa dos R$ 50 mil, estamos proibidos de oferecer aos nosso clientes nosso maior produto, que é a cultura. 

Por ter desrespeitado o limite da altura do som, o bar foi multado em R$ 33 mil, mas ainda existem outras punições que, somadas chegam a mais de R$ 50 mil. O bar também foi obrigado a parar com as apresentações artísticas, que movimentavam o dia a dia no café. 

— Pior que as multas é a proibição de trabalhar. Ficamos 22 dias interditados. O governo nos proibiu de ter música ao vivo, saraus e oferecer qualquer coisa que faça barulho. Nós vemos uma clara perseguição do governo ao Balaio Café. 

O administrador do Plano Piloto, Marcos Pacco, afirma que o governo está estudando uma ação para conciliar os interesses dos moradores e dos bares noturnos.

— Houve uma reunião nesta quarta-feira (18) com o governador e autoridades responsáveis pela fiscalização da Lei do Silêncio para discutirmos as ações. A ordem é cumprir a lei, mas usando o bom senso e o princípio da razoabilidade.

Pacco nega haver perseguição a qualquer bar da cidade e defende os servidores que fiscalizam os estabelecimentos.

— Temos os dois lados da moeda. Se o servidor não cumprir a Lei, o Ministério Público pode impor uma série de punições.

Despedida

Para dar o último adeus ao Balaio Café, os frequentadores do bar organizaram um evento para o domingo (20). Haverá apresentações de bandas, Djs e poetas. A festa está marcada para começar às 14h.