Distrito Federal

Distrito Federal

11/12/2013 às 12h03 (Atualizado em 11/12/2013 às 19h08)

Família brasiliense é encontrada morta dentro de casa em condomínio de luxo nos EUA

Polícia trabalha inicialmente como assassinato seguido de suicídio

Gustavo Frasão, do R7

Cledione Regina Ruppenthal Ferraz do Amaral, de 34, e a filha Wendy Ferraz do Amaral, de 10, em momento descontraído Arquivo Pessoal

Uma família de Brasília foi encontrada morta dentro de uma casa em um condomínio de luxo da Flórida, Estados Unidos. A polícia local acredita que Márcio Luiz Ferraz do Amaral, de 45 anos, a mulher dele, Cledione Regina Ruppenthal Ferraz do Amaral, de 34, e a filha do casal, Wendy Ferraz do Amaral, de apenas dez anos, morreram há pelo menos três semanas em função do avançado estado de decomposição que os corpos estavam no momento em que foram localizados, mas apenas o laudo pericial oficial poderá apontar o tempo exato.

A família morava em Orlando desde 2009 e informações preliminares dão conta de que a casa, que fica em Lake Nona, era alugada. Os proprietários decidiram visitar os inquilinos neste sábado (7) por conta de um atraso na mensalidade e se depararam com um forte cheiro assim que se aproximaram do imóvel. Depois de tocarem a campainha e baterem na porta sem resposta, arrombaram a residência e encontraram os três corpos caídos na garagem.

Desde que saíram do Brasil, os três nunca mais voltaram para visitar os parentes, que atualmente vivem em Formosa (GO), região do Entorno do DF, mas moraram durante muito tempo em Planaltina (DF). Por outro lado, eles também não tiveram a oportunidade de viajar para o exterior e o contato era mantido apenas por internet, mas desde julho acontecia com pouca frequência. 

Leia mais notícias no R7 DF   

Chacina no Entorno do DF: polícia pede prisão preventiva de suspeito de matar família

Márcio, que foi piloto da TAM Linhas Aéreas durante muitos anos, onde conheceu a mulher, que era comissária de bordo, estava desempregado havia alguns meses. Cleodione sustentava a casa trabalhando no Animal Kingdom, um dos parques da Disney, em Orlando.

Os parentes que continuaram morando em Brasília receberam a notícia nesta segunda-feira (9). A irmã de Cledione, Suênia Ruppenthal, explicou que um amigo da família que vive nos Estados Unidos viu a informação nos noticiários locais e fez contato.

— Os corpos foram achados no sábado, mas só ficamos sabendo dois dias depois. A polícia trabalha em assassinato seguido de suicídio, mas ainda não temos nenhum tipo de informação concreta.

Suênia relatou que o sonho da irmã e do cunhado era morar nos Estados Unidos e que eles conseguiram realizá-lo. Márcio comentava o desejo que tinha de trabalhar em uma companhia aérea internacional e a filha do casal, bem adaptada, tinha vários amigos e demonstrava satisfação com a vida que tinha.

— Era uma família muito feliz e unida. Ainda estamos perdidos, tentando entender o que aconteceu.

Para arrecadar fundos, Suênia passou a usar o perfil no Facebook desde segunda. A intenção dela é ir a Orlando e trazer os restos mortais dos familiares ao Brasil, porque o Consulado nos EUA disse não poder ajudar financeiramente.

Enquanto não consegue viajar, ela e os pais acompanham os desdobramentos da história em casa. O contato está acontecendo por meio de uma amiga, que mora em São Paulo e fala inglês fluente, que liga todos os dias para os detetives e peritos responsáveis pelas investigações.

A irmã da vítima contou que, inicialmente, a hipótese de triplo homicídio está praticamente descartada porque não foram encontrados sinais de violência nos corpos nem arrombamentos na residência.

Os trabalhos estão focados em assassinato seguido de suicídio e um laudo preliminar deve ficar pronto nesta quarta-feira (11).  

Quem puder ajudar, os dados bancários são:  

BANCO DO BRASIL
POUPANÇA OURO
AG. 2863-0
CONTA: 20.401-3
SUENIA KAROLIN RUPPENTHAL

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Compartilhe
Beldades

Miss e Mister Surdos são eleitos para representar o DF em concursos nacionais

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Novo estilo de vida

Após viver experiência sexual mal sucedida, bióloga do DF emagrece 60kg

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Sem pudor

Pelados na rua e até cenas de sexo. Veja os desinibidos flagrados no DF

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Eca!

Moradores do DF pedem fast food e encontram até barata na comida

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Alta temperatura

Calor no DF vira piada na internet: veja os memes compartilhados por brasilienses

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Parece gente grande

Bebê fashion, garotinho vegetariano e outras crianças que bombam na internet

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Polêmicas da Furacão da CPI

De briga com partido político a vídeo de sexo no Congresso. Veja todas

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Última moda

Caveiras mexicanas e 'maoris' estão entre as tatuagens mais pedidas no DF

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Distrito Federal

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!