Distrito Federal

29 de Julho de 2014

Notícias

Maior dificuldade no governo foi colocar a casa
em ordem e resgatar credibilidade, diz Agnelo

Governador do DF fez balanço dos dois primeiros anos de governo

Do R7, com Agência Brasília | 30/12/2012 às 16h53
Publicidade

Dois anos depois de assumir o governo do Distrito Federal, o governador Agnelo Queiroz fez um balanço das realizações em 2011 e 2012 e disse que a maior dificuldade que encontrou foi "por a casa em ordem". A declaração foi dada à Agência Brasília.

— É preciso ressaltar que quando assumi o governo, em janeiro de 2011, encontramos a cidade em situação de “terra arrasada”. Então, tive que colocar a casa em ordem e resgatar a credibilidade institucional do GDF.

O governador disse que o primeiro passo para organizar as coisas foi "recuperar a máquina administrativa e a recontratar servidores públicos".

Leia mais notícias no R7 DF

Homem morre após reagir a sequestro-relâmpago em Planaltina

Na área da Saúde, Agnelo disse que o governo petista optou por investir na saúde primária. Segundo ele, além da inauguração das UPAs (Unidades de Pronto-Atendimento), hospitais foram reformados e cerca de 7 mil servidores foram contratados.

— O investimento na saúde primária é fundamental para invertermos a lógica antiga e desafogar os hospitais, que ficam para atender casos mais graves. Isso reduziu bastante as filas nesses locais e nos centros de saúde. São cerca de 1.000 pacientes a menos, diariamente, nos prontos-socorros.

Violência

Em outra área considerada prioritária pelo governador, a segurança pública, os índices mostram que o governo está conseguindo reduzir a violência no DF, de acordo com Agnelo.

Segundo o petista, um esforço conjunto entre as polícias Militar e Civil, o Corpo de Bombeiros e o Detran está reduzindo a criminalidade.

— Alcançamos índices históricos de apreensão de drogas e estamos atuando em parceria com o governo federal no enfrentamento ao crack.

O sequestro-relâmpago, crime que se tornou comum no DF, esta diminuindo de "forma progressiva", na opinião do governador. De acordo com ele, o número de registros caiu pela metade em setembro deste ano em relação ao mesmo mês do ano passado, passando de 76 casos para 31.

Portal R7 está de cara nova. Clique aqui e conheça a maior home dos portais brasileiros!

 
Veja Relacionados:  governo, governador, agnelo, casa, ordem, balanço, anos, df
governo  governador  agnelo  casa  ordem  balanço  anos  df 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS