Distrito Federal

1 de Agosto de 2014

Notícias

Paciente ameaça funcionário de hospital com pedra por falta de atendimento

A polícia teve que ser chamada para conter confusão

Do R7, com TV Record | 08/01/2013 às 08h48
Publicidade

Um paciente perdeu a paciência no Hospital Regional do Paranoá, região administrativa do DF, após esperar seis horas por atendimento. Revoltado com a demora, ele discutiu com um funcionário e o ameaçou uma pedra. A Polícia Militar teve de ser chamada párea conter os ânimos.

Robervaldo Santana admitiu ter perdido o controle e se justificou. Ele tem problemas nos rins e teve um deles perfurado quando era adolescente. Com muita dor, ele ficou mais de seis horas no pronto socorro e não foi atendido. Havia apenas uma expectativa, segundo ele.

Outros pacientes reclamaram a demora no atendimento e confirmaram a versão de Santana. A exemplo de Francisco Guimarães que acompanhava a esposa. Os dois também passaram o dia no hospital, sem atendimento ou qualquer satisfação.

Leia mais notícias no R7 DF

Vizinhos denunciam mãe e padrasto por agredir menor

Segundo a Secretaria de Saúde, o paciente Robervaldo Santana "seria atendido em poucos minutos e em seguida se exaltou". Ainda de acordo com o governo, havia "um clínico no plantão" do hospital, o que seguiria "as normas de prioridade de pacientes graves estabelecida pelo Ministério da Saúde.”

Assim mesmo, o resultado é que muitos pacientes desistiram do atendimento e deixaram o Hospital do Paranoá sem sequer ver um médico.

Assista ao vídeo:

 

 

 

 
Veja Relacionados:  confusão, hospital, atendimento
confusão  hospital  atendimento 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!
RSS