Mural

Mande a sua sugestão para o Domingo Espetacular

Envie suas sugestões, dicas e pautas para a equipe do programa

Sua mensagem foi enviada para aprovação!
Código inválido
Digite o texto da imagem acima

Últimas respostas

  • Carina Cavalcante Lombardo - 6/11/2016 - 21h05

    Boa noite! Como faço pra mandar um vídeo do meu cachorro para ir ao ar nos bichos curiosos?

  • Elio - 18/1/2016 - 9h02

    Estou decepcionado com o programa, antes tínhamos noticias de qualidade, enquanto hoje um jornal sem nenhuma qualidade. Perde-se um tempão mostrando bichos (poderia mudar para domingo animal). Está faltando qualidade será que ninguem da emissora percebe.

  • Fabiano - 18/1/2016 - 1h52

    10 anos depois: veja como algumas celebridades se transformaram em uma década Gostei da matéria, muito interessante,e fiz uma comparação em minhas fotos nesses últimos 10 anos, percebi que estou bem...há 10 anos atrás eu tinha apenas 24 anos, hoje estou com 34 anos. posso mandar umas fotos minhas para fazer umas comparações. Parabéns pela matéria muito interessante.

  • Ana Cláudia Mendes - 18/1/2016 - 0h49

    Eu assisti a reportagem da rede Al-Jazeera transmitida pelo Domingo Espetacular, sendo que a história de Jessé me comoveu muito.Se a Rede Record pudesse ajudar aquele lugar, construindo ou doando um barco para servir de escola, no estreito de Breves, ficaria muito feliz, pois resolveria a situação social das crianças daquele lugar, em relação à educação e em relação à ajuda do governo (bolsa-familia), sendo que assim, estas crianças não seriam obrigadas a fazer comércio o nos barcos.Obrigada.

  • sheila - 17/1/2016 - 21h45

    oi sou a sheila tenho 20 anos e vim falar que a estreia do filme os dez mandamentos vai estreia no meu aniverssario estou muito feliz de saber disso pena que nao irei assisti na estreia sou de goianira goias cidade proxima de goiania

  • mamede alles - 17/1/2016 - 21h33

    Essa promoção apelativa dos Dez Mandamentos é ridícula. A venda antecipada só está acontecendo em função dos fies da Universal, que são obrigados a compra. A mesma coisa acontece com com os livros do Edir Macedo. Cada fiel também é impelido pelos pastores a comprar.

  • rosa regina c santos - 17/1/2016 - 21h27

    sobre a materia da jaca o caroço dela é uma deliciosa castanha se vc cozinhar ele fica uma castanha deliciosa deixa ele secar e ai cozinha e uma castanha

  • Paulo Sérgio de Souza - 17/1/2016 - 21h16

    Sou Adestrador de Cães e vi este cão em um canal onde ele aparece de perto, não se trata de um pastor belga malinois como o colega dai falou e sim um American Stanford Shire dourado. A melhor maneira de pegar este cão do aeroporto é se agachar e chama-lo de maneira animada alegre e efusivamente o que irá faze-lo se aproximar e assim é só o segurar por cima do pescoço a coleira caso ele esteja a portando, o que evita que ele o morda, ou então caso esteja portanto um laço escondidamente no momento certo o lace. Caso ele fique desconfiado e não aproxima, vire agachado de costas para ele e assim ele se sentira seguro para se aproximar ao ponto de você poder no instante certo o segurar. Desafio para o Paulo, meu xará; faça isto no programa com um cão manso: Fique de costas para ele e o chame de maneira animada e efusivamente, sem focar os olhos diretamente nele. Todo predador fica receoso quando outro predador o olha diretamente nos olhos ou caminha rumo a ele.

  • RUBENS JANDSON CAVALCANTE DA SILVA - 15/10/2015 - 9h45

    ADPF questiona dispensa de mais de 15 mil soldados da Aeronáutica A Associação de Praças das Forças Armadas (Aprafa), constituída por ex-soldados, ajuizou Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF 260) no Supremo Tribunal Federal (STF) na qual questiona dispositivos de decretos da Presidência da República que resultaram no licenciamento de mais de 15 mil soldados de primeira-classe. Segundo a entidade, o Decreto 880/93, que regulamentava o Corpo de Pessoal Graduado da Aeronáutica, foi revogado em 2000 pelo Decreto 3.690, cujo objeto se manteve para limitar em no máximo seis anos de serviço a atuação de soldados que ingressaram na Aeronáutica por concurso público. Para a Aprafa, as normas ferem o direito de estabilidade dos soldados ingressos no serviço militar por concurso público, por isso devem ser impugnadas no STF. “O ato ora atacado – limitação do tempo de serviço de militares ingressos na carreira militar por concurso público – agride, a um só tempo, o princípio da legalidade, o princípio da segurança jurídica, bem como o princípio da boa-fé e da moralidade administrativa. Daí a relevância da controvérsia constitucional debatida, que atinge o núcleo essencial de direitos fundamentais de mais de 15 mil cidadãos brasileiros, domiciliados nas mais diversas regiões do país, os quais tiveram a carreira militar interrompida por atos do Poder Público fundados em manifestas inconstitucionalidades”, argumenta a associação. O Decreto 880, editado em 23 de julho de 1993, dispõe, em seu artigo 24, parágrafo 3º, que a prorrogação do tempo de serviço, mediante engajamento em continuação do Serviço Militar Inicial ou reengajamento, poderá ser concedida ao soldado de primeira-classe (S1) até o limite máximo de seis anos de serviço. Posteriormente, com a edição do Decreto 3.690, de 19 de dezembro de 2000, a norma se manteve idêntica. “Afigura-se inequívoco que o militar ingresso nas Forças Armadas, na qualidade de soldado de primeira-classe especializado não poderia ser afastado das fileiras da Aeronáutica senão em virtude de lei, sob pena de violação ao artigo 5º, inciso II, da Constituição Federal”, reitera a entidade ao invocar o princípio da legalidade. Entenda o caso Segundo informações prestadas pela Aprafa na ADPF, a partir do segundo semestre de 1994, a Força Aérea Brasileira passou a promover, por meio de concurso público de provas, a seleção de jovens com idade entre 18 e 24 anos, para integrarem o quadro de soldados da Aeronáutica. O curso, denominado Curso de Especialização de Soldados (CESD), tinha o objetivo de melhorar a qualificação do profissional militar, formando soldados com especialização para executar diversos cargos na instituição. Ainda de acordo com a autora da ADPF, ao aprovado no concurso do CESD eram garantidos benefícios como ascensão profissional a cabo e posteriormente a terceiro-sargento. A Aprafa ressalta que anúncio publicitário do concurso publicado numa revista especializada afirma que os aprovados como soldado de primeira-classe poderiam chegar ao oficialato. “Depreende-se claramente, com isso, que o CESD foi instituído para servir de porta de entrada para a Aeronáutica, mediante a realização de concurso público, e, principalmente, com uma perspectiva de carreira claramente definida”, reitera a Aprafa. A entidade informa que, após a aprovação no concurso e a realização do CESD, formaram-se em todo o país milhares de soldados de carreira, não oriundos do serviço militar inicial, que inclusive receberam diploma comprovando a referida qualificação. “No entanto, compridos seis anos de valorosos servidos prestado à pátria, aproximadamente 15 mil jovens em todo o Brasil foram injustificadamente licenciados do serviço ático, como se simplesmente fossem ingressos do serviço inicial obrigatório – o que, ressalte-se, constitui um verdadeiro absurdo”, finaliza a entidade. Infelizmente o processo tem sido postergado e está passando de mãos em mãos, de ministérios a ministérios e assim sucessivamente, contudo, sem nenhuma solução...O detalhe escandaloso é que esses rapazes, segundo documentos emitidos pelo MTE e pelo INSS, ainda estão ativos na FAB, fato que não tem sido levado a sério pelos veiculos de comunicação, que já receberam diversas denúncias sobre o caso e estão se eximindo a tomarem as devidas providências. a FAB, ao que parece, está fazendo falcatruas enquanto os cidadãos concursados estão do lado de fora com o sonho da carreira militar frustrado. Se vcs puderem investigar isso e divulgar, fariam um grande papel social, além do que já fazem e fazem bem feito. esse absurdo afeta afetou 15 mil ex soldados em todo Brasil !! Nos ajudem por favor com uma matéria sobre esse escandaloso caso que afeta esses jovens e famílias dos mesmos em todo Brasil !! Acreditamos na grande Audiência deste Renomado Programa da tv brasileira !! att: Rubens Jandson ( ex- militar concursado e demitido Injustamente da Aeronautica ) fone : 92 99313 6891 , Manaus-Am

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vídeos

Carregando

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
HORÁRIO DE DOMINGO ESPETACULAR NA RECORD: DOMINGO ÀS 19H20

Fale Conosco | Visite o R7