• Twitter Created with Sketch.

Compra de imóvel até 1,5 milhão com FGTS vale até o final do ano

Valor valerá para todo o País. Até agora, o máximo variava de R$ 850 mil a R$ 950 mil 

Do R7, com Estadão Conteúdo

Prédio em construção
Prédio em construção Getty Images

O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou, em reunião extraordinária, o aumento do valor máximo de imóveis que podem ser comprados com recursos do FGTS para R$ 1,5 milhão. O teto vigorará de forma temporária e só valerá para operações contratadas entre 20 de fevereiro e 31 de dezembro de 2017.

O novo limite vale para os financiamentos contratados no âmbito do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que utiliza recursos da poupança e do Fundo de Garantia e tem taxas de juros mais baixas.

O preço de avaliação valerá para todas as regiões do País - até agora, o valor máximo variava de R$ 850 mil a R$ 950 mil, dependendo da cidade. O novo limite só valerá para a aquisição de imóveis residenciais novos.

"Com a mudança, os mutuários terão acesso não só às taxas de juros aplicáveis ao SFH, em geral mais baixas do que aquelas vinculadas a outros tipos de operações imobiliárias, mas à possibilidade de movimentar os recursos de suas contas vinculadas do FGTS para o pagamento de parte das prestações ou para a amortização dos financiamentos, desde que observados os demais requisitos legais e regulamentares que regem o Fundo", explica nota divulgada pelo Ministério do Planejamento.

Leia mais notícias de Economia

  • Espalhe por aí:

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log