R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

19 de Setembro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Economia/Notícias

Icone de Economia Economia

publicado em 23/07/2010 às 06h42:

Até qual valor a ex-mulher tem direito à pensão alimentícia?

Sophia Camargo esclarece dúvidas de internautas

Do R7

Publicidade

Segundo o advogado especializado em direito de família Antonio Ivo Aidar, varia muito. Não é só o homem que paga pensão e também não é porque é ex-mulher que tem direito automaticamente à pensão. A mulher poderá não ter direito a pensão ou ainda poderá ter que pagar pensão ao marido. Mas vamos falar do que acontece na maioria dos casos. Normalmente, se houver filhos pequenos, a pensão fica estipulada num nível de 10% a 40% da renda do marido.

O valor deve ser o suficiente para que o filho mantenha o mesmo padrão de vida do pai. Para a mulher, a pensão normalmente é concedida até que esta se reintegre ao mercado de trabalho. Tudo depende da necessidade de quem pede e da possibilidade de quem paga.

 
Veja Relacionados:  pensão alimentícia
pensão alimentícia 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping