R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Economia/Notícias

Icone de Economia Economia

 

publicado em 07/03/2012 às 16h00:

Brasileiras têm a melhor expectativa de felicidade futura do mundo, segundo pesquisa da FGV

Estudo divulgado nesta quarta no Rio revela que as mulheres são mais felizes que os homens

Evelyn Moraes, do R7, no Rio

Publicidade

Um estudo divulgado nesta quarta-feira (7) pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) no Rio de Janeiro aponta que as brasileiras são as mais felizes do mundo, em comparação com mulheres de outros 158 países. Entre elas, as solteiras são mais felizes que as casadas. As separadas e as viúvas apresentam níveis menores de felicidade. Em uma escala de 0 a 10, elas deram nota 8,98 para a expectativa de felicidade em cinco anos, contra 8,51 das dinamarquesas, que ocupam terceiro lugar no ranking. As americanas aparecem em 14º lugar com nota 8.

Esta é a quarta edição da pesquisa, feita a partir de dados colhidos pelo Gallup nestes países e coordenada pelo economista-chefe do Centro de Políticas Sociais da FGV. O estudo mostra ainda que as mulheres brasileiras são mais felizes que os homens brasileiros, que ocupam o topo do ranking mundial de pessoas do sexo masculino mais felizes do mundo. Eles deram 8,56 e os dinarmaqueses, 8,52. No pé deste ranking, estão as mulheres do Zimbábue (nota 4,04 contra 4,03 dos homens).

Marcelo Neri explica que o motivo de a expectativa de felicidade futura das mulheres ser maior que a dos homens é a melhoria nas condições de vida do universo feminino no Brasil.

- De um lado, a mulher fez uma revolução nas escolas. Em 1996, a educação das mulheres ultrapassou a dos homens. Em 2006, a “renda não trabalho” da mulher, ou seja, a renda de projetos políticos/sociais (como Bolsa Família, por exemplo) e de aposentadoria ultrapassou a dos homens. O terceiro fator é o trabalho das mulheres. As mulheres estão com mais esforço no trabalho. A jornada de trabalho cresceu e o desemprego caiu entre elas. Isso tudo melhorou a condição de vida das mulheres.

Segundo o economista, o otimismo dos brasileiros levou os homens ao topo do ranking entre os mais felizes do mundo.

- Tem um dado cultural no Brasil: o brasileiro acha que o Brasil vai melhorar, por isso nós usamos os termos “Brasil, o País do futuro” e “brasileiro, profissão esperança”. O estado de espírito do brasileiro revela que ele acredita em um futuro melhor. O brasileiro é otimista por  natureza. O brasileiro dá uma nota melhor para ele do que para o País dele. É até um paradoxo: ele é positivo, porém individualista.

O estudo revela também que, no geral, as mulheres são mais felizes que os homens. Elas reportam notas maiores no mundo todo, em qualquer faixa etária.


Veja Relacionados:  felicidade mulheres, felicidade futura, fgv, mulheres, dia da mulher, estudo mulheres
felicidade mulheres  felicidade futura  fgv  mulheres  dia da mulher  estudo mulheres 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping