R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

1 de Outubro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Economia/Notícias

Icone de Economia Economia

Topo Especial - 716 x 133

publicado em 12/06/2012 às 12h06:

Falta de mão de obra qualificada no Brasil gera aumento de 33% nas autorizações de trabalho para estrangeiros

Setor que mais contrata funcionários de outros países é o de óleo e gás

Mariana Londres, do R7, em Brasília


Publicidade

A falta de mão de obra qualificada no Brasil gerou, no primeiro trimestre deste ano, um aumento significativo nas autorizações de trabalho para estrangeiros. De acordo com dados do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), obtidos em primeira mão pelo R7, nos primeiros três meses de 2012, os vistos concedidos a profissionais qualificados em caráter temporário cresceram 33% na comparação com o mesmo período do ano passado. 

De acordo com a pasta, o aumento ocorreu especialmente pela expansão das atividades no Brasil de empresas estrangeiras. O setor que mais demanda mão de obra estrangeira no País é o da indústria do óleo e gás, que representa 30% de todas as autorizações de trabalho concedidas. 

Segundo o MTE, o requisito básico para a vinda de profissionais estrangeiros ao Brasil é que esses profissionais não ocupem vagas que possam ser preenchidas por trabalhadores brasileiros.

Já as autorizações de trabalho para estrangeiros – não especificamente de profissionais qualificados temporários – cresceram 31% no primeiro trimestre do ano. Para este aumento contribuíram as concessões de vistos humanitários para haitianos e as autorizações de até 90 dias, concedidas a técnicos estrangeiros responsáveis pela instalação de máquinas e equipamentos importados. 

Nos primeiros três meses do ano, 1.395 vistos humanitários foram concedidos pelo Conselho Nacional de Imigração aos haitianos que ingressaram pela fronteira terrestre entre o fim de 2011e janeiro de 2012.

As nacionalidades que mais apresentaram crescimento na concessão de autorizações de trabalho no Brasil foram haitianos, coreanos, portugueses e chineses. Os norte-americanos, no entanto, seguem como os mais autorizados a trabalhar no Brasil. 

Regras

De acordo com o ministério do Trabalho, as empresas que contratam estrangeiros devem comprovar que os trabalhadores contratados possuem qualificação profissional, ou seja, escolaridade e experiência, compatíveis com as atividades que irão executar no Brasil. Devem, também, demonstrar a não existência de mão de obra especializada no Brasil.

Para garantir o mercado de trabalho para os profissionais brasileiros, o ministério exige que a empresa mantenha um programa de treinamento de brasileiros para as atividades ocupadas inicialmente por estrangeiros por períodos de até um ano. Terminado o prazo de autorização, as empresas são obrigadas a demonstrar a necessidade da continuidade da presença de estrangeiros, mesmo com o treinamento realizado de brasileiros para a função.

Artistas

Foi registrado ainda um aumento de 34% nas autorizações para a vinda de artistas estrangeiros para realização de shows e eventos no Brasil, com 600 vistos a mais que no primeiro trimestre de 2011. Já as autorizações para tripulantes temporários em embarcações de turismo estrangeiras cresceram  20%  por conta do aquecimento da atividade econômica de cruzeiros marítimos pela costa brasileira na temporada 2011/2012.

 

Veja as respostas certas neste link.

Veja Relacionados:  trabalho, estrangeiros, falta de qualificação
trabalho  estrangeiros  falta de qualificação 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping