R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

20 de Abril de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Educação/Notícias

Icone de Educação Educação

publicado em 18/02/2013 às 11h40:

Autora de Diário de Classe é ameaçada de morte

Garota diz que manda matar Isadora Faber caso ela não apague a página do Facebook

Do R7

Publicidade

A autora do Diário de Classe, Isadora Faber, foi ameaçada de morte neste domingo (17). Uma garota publicou na página de Isadora que vai mandar mata-la caso a estudante não apague o Diário de Classe do Facebook. Colegas que ajudam a denunciar problemas da escola pública também foram ameaçados.

 Isadora afirmou em sua página que denunciou o ocorrido à polícia e que têm certeza que as autoridades têm como descobrir o IP (número que identifica os computadores) do responsável pelas ameaças. “Com essa onda de terror que Florianópolis vive atualmente, isso é bem assustador”.

Esta não foi a primeira vez que Isadora foi ameaçada. No dia cinco de novembro a casa de Isadora foi apedrejada. A avó da menina, de 65 anos, levou uma pedrada no rosto. Ela sofre de uma doença degenerativa.

Leia mais notícias de Educação

No quintal também estavam Isadora e sua mãe, Mel Faber. Não foi possível ver o autor da violência. A idosa fez exames e passa bem. Mel Faber registrou boletins de ocorrência sobre o acontecido.

No dia 8 de novembro Isadora postou no Diário de Classe: “Hoje mais uma vez fui ameaçada, chegando na porta da escola, um garoto da 8º série chegou e me encheu de palavrões, colocou o dedo na minha cara e disse para acabar com blog de merda. Minha mãe viu e venho me defender quando chegou uma funcionária da escola, xingou minha mãe e colocou o garoto pra dentro, fechando a escola para mim não entrar. Minha mãe teve que ameaçar chamar a polícia para deixarem entrar na escola.”

Um dos casos mais polêmicos denunciados por Isadora foi a da pintura da escola. Em 2011 um homem foi contratado para pintar a quadra de esportes. No Diário de Classe, a menina conta que um senhor chamado Francisco recebeu um dinheiro adiantado para realizar o serviço, mas não aparecia para trabalhar.O caso levou uma discussão entre o pintor e o pai de Isadora em frente à escola. O pintor informou que não realizou o trabalho porque estava doente.

Confira a trajetória do Diário de Classe

A página 

O “Diário de Classe” causou polêmica na educação pública em 2012. No dia 11 de julho a estudante Isadora Faber, de 13 anos, criou a página no Facebook onde denuncia problemas da escola pública Maria Tomázia Coelho, onde estuda.

Atualmente, mais de 497.021 pessoas seguem a página do Diário de Classe. Depois de participar de diversos debates sobre educação, Isadora continua com o Diário de Classe.

Colaborou Jéssica Rodrigues, estagiária do R7

Veja Relacionados:  diario, ameaça, morte, classe, isadora
diario  ameaça  morte  classe  isadora 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 299,00
Fogão Fogão Mania Vi R$ 580,41
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 449,00
Monitor Monitor Wal-Mart R$ 348,00