R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Educação/Notícias

Icone de Educação Educação

publicado em 09/10/2012 às 11h58: atualizado em: 09/10/2012 às 12h40

Estudantes das federais têm visto negado para intercâmbio após greve de professores

Jovens iriam trabalhar nos parques da Disney, em Orlando

Do R7*

Publicidade

Estudantes de universidades federais que foram selecionados para trabalhar nos parques da Disney, em Orlando, tiveram o visto negado pelo consulado americano. O motivo foi a greve de professores, que durou quatro meses e alterou o calendário escolar. 

A estudante do 3º semestre de administração da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) Maria Moro Montrimas, de 19 anos, gastou cerca de R$ 4.000 com passagem aérea, seguro e taxas de visto e, 44 dias antes do embarque, recebeu um comunicado da STB (Student Travel Bureau), empresa responsável pelos intercâmbios à Disney no Brasil, informando que o consulado americano de São Paulo havia negado seu visto.

— Eu já tinha conversado com os professores e combinado com eles como faria as provas e entrega de trabalhos. Eles mesmos apoiam a iniciativa. Essa experiência também ia contribuir para a nossa vida profissional e tem peso grande no currículo. 

Leia mais notícias de Educação

De acordo com o comunicado do consulado enviado à STB, “em função das greves, este ano os estudantes de Universidades Federais não serão considerados elegíveis para o programa J1 Summer Work and Travel”. 

Os estudantes envolvidos afirmam que cerca de 200 estão na mesma situação. A STB não soube informar quantas pessoas foram afetadas. 

Para a estudante de jornalismo da UFC (Universidade Federal do Ceará) Camila Magalhães, o processo foi ainda mais complicado, já que ela teve que sair de Fortaleza para participar das etapas de seleção em outros Estados.

— Eu fiz a primeira fase no Rio de Janeiro em junho e a segunda etapa em Belo Horizonte. Nesta época, a minha faculdade já estava em greve há dois meses e, quando perguntávamos sobre isso, sempre falaram que não teria problema. Além do intercâmbio, gastei dinheiro com hotéis e passagens durante o processo seletivo. Não fiz todas as contas, mas o prejuízo sai em mais de R$ 5.000. 


A estudante diz ainda que, se soubesse que isso poderia acontecer, teria tentado em outro ano. 

— Eu nem sei se o consulado mudasse de opinião eu ainda iria, porque eu fiquei arrasada mesmo. Nós estávamos animados, tínhamos nos preparado para essa experiência e interromperam nosso sonho.

A paralisação durou quatro meses e chegou a mobilizar 98% dos docentes de universidades e institutos federais que queriam aumento salarial, melhores condições de trabalho e reestruturação do plano de carreira. Quando a greve chegou ao fim, as universidades remanejaram o calendário escolar e os estudantes perderam as férias de fim de ano

Por meio de comunicado, a STB informou que os estudantes que foram lesados estão pré-aprovados para a segunda etapa do processo do ano que vem. Para Camila, a decisão é injusta. 

— Nós já passamos por essa etapa, vamos ter que ser selecionados de novo? O certo seria eles afirmarem que a gente vai [a Disney] com certeza.

A STB informou ainda que “todos os participantes estavam cientes de que, caso ocorresse alguma alteração no calendário acadêmico que comprometesse o embarque, o status de sua participação poderia ser reavaliado” e que “neste momento, [a empresa] trabalha em cada caso para orientar seus estudantes”. 

Os estudantes criaram um abaixo-assinado na internet e já conseguiram 3.548 assinaturas até as 13h desta terça-feira (9), pedindo que o consulado reveja a decisão. Nenhum representante do consulado americano em São Paulo havia sido encontrado para comentar o assunto até a publicação desta reportagem.

*Colaborou Letícia Cislinschi, estagiária do R7

 

Veja Relacionados:  intercâmbio,disney,estágio,greve,federais
intercâmbio  disney  estágio  greve  federais 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping