R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

21 de Dezembro de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Educação/Notícias

Icone de Educação Educação

publicado em 02/01/2013 às 14h45:

Estudantes de 11 cidades brasileiras protestam contra notas do Enem

Procuradoria da República dos municípios é ponto de encontro para entrega de petição pública organizada pela internet

Do R7

Publicidade

O abaixo-assinado, que pede a revisão da nota de redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), saiu da internet e ganhou as ruas. Estudantes de 11 cidades brasileiras entregaram, na tarde desta quarta-feira (2), a petição pública à Procuradoria da República de cada município.

O evento começou a ser organizado no grupo “Ação Judicial - REDAÇÃO ENEM 2012” do Facebook, que reúne cerca de 23.980 integrantes. Depois que ganhou popularidade e marcou a data do protesto surgiram grupos específicos de cada cidade, onde os jovens combinavam detalhes da ação.

O estudante Natan Andrade, de 17 anos, é um dos organizadores de Aracaju, Sergipe, e afirma que o objetivo é conseguir a divulgação da correção da redação antes de fevereiro.

— Depois dessa data já vai ter passado o Sisu (Sistema de Seleção Unificada) e o Prouni (Programa Universidade para Todos). Será impossível recorrer após este resultado.    

Leia mais notícias de Educação

 A ação foi planejada nas cidades de Maceió, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Aracaju, Macaé, Goiânia, Recife, Belo Horizonte, Belém, Teresina e Natal.

Histórico

Os estudantes buscam o direito da revisão da nota do Enem antes do período de inscrições do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) que vai do dia 7 a 11 de janeiro. As notas da prova e das redações já saíram, e muitos não concordam com a avaliação. Segundo a organização do exame, a correção do texto só estará disponível para vista pedagógica e não será possível pedir a revisão da nota.

Os internautas fazem agora uma petição online para pressionar as autoridades. Na página online, o grupo arrecada assinaturas para, segundo nota, “pressionar o Ministério Público e o Poder Judiciário a tomar providências diante das irregularidades evidenciadas na correção das redações”.

No site do Inep é possível acessar os resultados individuais por área de conhecimento e a nota da redação informando o número de inscrição e a senha usada no ato do cadastro ou ainda o CPF e a senha. A prova de redação estará disponível no dia 6 de fevereiro.

Com a nota do Enem, os estudantes podem concorrer a uma das 129,2 mil vagas oferecidas em universidades e nos institutos federais de ensino superior por meio do Sisu.

Além das vagas em instituições públicas, os candidatos podem usar a nota no Enem para concorrer a bolsas do Prouni (Programa Universidade para Todos), a financiamentos do Fies (Programa de Financiamento Estudantil) e para obter a certificação do ensino médio. Para isso, o inscrito na prova precisa obter nota mínima de 450 pontos em cada uma das áreas do conhecimento e 500 pontos na redação.

Veja:

Colaboração: Jéssica Rodrigues, estagiária do R7.

 

 

 

 

 

 

 

Veja Relacionados:  Enem, petição, redação, nota, protesto
Enem  petição  redação  nota  protesto 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping