R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

20 de Abril de 2014

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Educação/Notícias

Icone de Educação Educação

publicado em 19/06/2010 às 16h40:

Unila abre inscrições em Foz do Iguaçu

Universidade vai promover integração entre estudantes do Mercosul; aulas serão bilíngues

Do R7, com agências

A Unila (Universidade Federal da Integração Latino-Americana), idealizada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para promover a integração na região, abriu inscrições para seus primeiros cursos.

Localizada em Foz do Iguaçu, na Tríplice Fronteira (Argentina, Brasil e Paraguai), a universidade vai oferecer vagas para alunos brasileiros e para estudantes desses países.

Neste primeiro ano serão oferecidos seis cursos de graduação, cada um com 25 vagas para estudantes brasileiros. Os cursos são ciências biológicas: ecologia e biodiversidade (no período da manhã); relações internacionais e integração (tarde); economia, integração e desenvolvimento (noite); sociedade, estado e política na América Latina (tarde); engenharia ambiental de energias renováveis (manhã); e engenharia civil de infraestrutura (manhã). As aulas começam em agosto.

No total, 150 alunos do Brasil serão selecionados. Outros 150 estudantes dos países-membros do Mercosul serão selecionados conforme critérios estabelecidos pelos ministérios da Educação de cada país para também estudar na universidade.

O reitor pro tempore da Unila, Hélgio Trindade, disse que haverá uma ponderação em favor dos candidatos egressos de escolas públicas brasileiras e os que obtiverem as melhores notas no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O candidato poderá indicar no formulário de inscrição dois cursos de graduação de interesse.

O edital completo sobre a seleção já está disponível no site da Unila. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas exclusivamente pela internet, até o dia 16 de julho.

Sobre a universidade

A Unila oferecerá aulas bilíngues, em português e espanhol, e contará com um corpo docente composto por 250 professores internos e outros 200 visitantes - a metade dos quais serão brasileiros e a outra, de países vizinhos.

As aulas começarão em um edifício provisório, enquanto não for concluído o campus projetado por Oscar Niemeyer. Localizado no Parque Tecnológico, ocupará 38,9 hectares nos terrenos cedidos pela Itaipu.

Serão seis edifícios desenhados pelo arquiteto, inspirados no projeto da Universidade de Constantina, na Argélia. Será a terceira universidade pública no Paraná mantida pela União. A mais antiga é a Universidade Federal da Paraná (UFPR), criada em 1912.

Além da Unila, o governo também planeja construir uma universidade que terá metade dos estudantes brasileiros e a outra do continente africano, na cidade de Redenção, no Ceará, a primeira a libertar todos os seus escravos.


Veja Relacionados:  unila
unila 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 299,00
Monitor Monitor Wal-Mart R$ 348,00
Blu-Ray Player Blu-Ray Pl Saraiva R$ 449,00
Fogão Fogão Mania Vi R$ 580,41