Eleições 2014

Eleições 2014

18/1/2013 às 10h35 (Atualizado em 18/1/2013 às 10h35)

PT tenta conter avanço de Eduardo Campos no Nordeste

Até o início de março, Dilma deve visitar ao menos seis Estados da região

Agência Estado

A presidente Dilma Rousseff desembarca nesta sexta-feira (18) no Piauí diante da constatação do PT de que a recuperação do prestígio político da sigla no Nordeste, região sob forte influência do governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB), é crucial para o projeto de reeleição em 2014. Até o início de março, Dilma deve visitar ao menos seis Estados da região.

A avaliação dos petistas é que o partido precisa melhorar a articulação política com governadores e prefeitos na região, principalmente após o resultado das eleições de 2012, da qual o PSB saiu fortalecido. Além disso, o Planalto precisa driblar o desgaste político gerado pela paralisação nos canteiros de obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) na região.

O giro de Dilma pelo Nordeste inclui ainda Pernambuco, Ceará, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte. A região também está na mira do ex-presidente Lula. O Nordeste tem sido tradicionalmente um reduto eleitoral do PT. Nas últimas três eleições presidenciais (2002, 2006 e 2010), deu ampla margem de vitória para os candidatos do partido — Lula e Dilma. Em 2010, a petista teve 10,7 milhões de votos a mais na região que José Serra (PSDB).

Lula deve dar prioridade a cidades do interior em tour

Leia mais notícias de Brasil

Dilma pediu apoio a Campos para tentar reeleição em 2014

A direção do PT acredita que poderia ter se saído melhor na disputa pelas prefeituras do Nordeste na eleição do ano passado — avalia também ter patinado em algumas costuras políticas.

Além do prestígio de Campos e do PSB na região, o PT teme efeitos da retomada de poder da oposição de redutos emblemáticos, como a volta do DEM a Salvador, com Antonio Carlos Magalhães Neto.

Conhecida pelo estilo discreto, Dilma capricha no visual em viagens internacionais. Confira os looks

Em 2008, 24% das prefeituras obtidas pelo PT estavam no Nordeste. Em 2012, o porcentual subiu para 30%, mas o partido perdeu espaço político nas capitais.

A direção do PT avalia que é preciso começar agora a preparar o terreno para 2014, quando poderá se dar um embate entre Dilma e Campos, um dos governadores mais bem avaliados do País. Não por acaso o PT marcou a reunião do Diretório Nacional, em março, em Fortaleza.

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Celebridades na política

De cantor sertanejo a ator pornô: conheça as figuras que disputam o poder

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Ilha, Fusca velho e até um burro

Veja o patrimônio de Tiririca, Marquito, Diego Alemão e outros candidatos

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Vale tudo pelo voto

Neymar Cover, Pão Torrado e Mestre Drácula. Tem cada nome bizarro...

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Presidência da República

Conheça todos candidatos que disputam o Palácio do Planalto nas Eleições 2014

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Eleições 2014

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!