Dirigentes do PSDB viram a casaca e anunciam apoio a Marta Suplicy, diz jornal

Dissidentes tucanos, os "peessedebistas autênticos" estão descontentes com João Doria Jr.

Do R7

Candidato João Doria Jr (PSDB) perdeu apoiadores do próprio PSDB
Candidato João Doria Jr (PSDB) perdeu apoiadores do próprio PSDB Eduardo Anizelli/18.09.2016/Folhapress

Um grupo de dirigentes e militantes do PSDB resolveu no último sábado (17) anunciar apoio à candidatura de Marta Suplicy (PMDB) à Prefeitura de São Paulo. A informação é do jornal Folha de S.Paulo desta segunda-feira (19).

O natural seria os militantes apoiarem o nome de João Doria Jr. para comandar a capital paulista a partir de 2019. 

Intitulados "peessedebistas autêntivos", esses tucanos estão concentrados na zona sul paulistana, especialmente nos diretórios de Piraporinha, Grajaú, Santo Amaro e São Luiz.

Agora, o foco é convencer dissidentes das zona Norte e Leste a aderirem ao movimento.

O presidente do PSDB paulistano, vereador Mário Covas Neto, suavizou a dissidência e explicou que o movimento se deve aos apoiadores de Andrea Matarazzo, atualmente no PSD, mas que pertencia ao PSDB até perder as prévias para a disputa da Prefeitura de São Paulo para João Doria Jr. Hoje, Matarazzo é vice na chapa encabeçada por Marta Suplicy.

Leia mais notícias de Eleições 2016

O tucano Covas Neto explicou que "se o Matarazzo fosse forte como acha que é, tinha ganhado as prévias e ficado no partido".

O presidente do partido na capital paulista lembrou que cabe punição aos militantes que declararem apoio a outras candidaturas — como aconteceu com o grupo "peessedebistas autênticos".

  • Espalhe por aí:

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!

Fale Conosco | Visite o R7

Access log
Access log