• Twitter Created with Sketch.

França anuncia importantes bombardeios no norte do Mali

Intervenção militar começou em 11 de janeiro, quando os islamistas que ocupavam o norte do Mali desde março de 2012 começaram a avançar para o sul

Presidente da França destacou que País "não terminou sua missão" no Mali, onde os grupos "terroristas" ainda não foram vencidos
Presidente da França destacou que País "não terminou sua missão" no Mali, onde os grupos "terroristas" ainda não foram vencidos ERIC FEFERBERG / AFP

A França executou "importantes bombardeios aéreos" no norte do Mali durante a madrugada de sábado para domingo, em áreas próximas da fronteira com a Argélia, anunciou à AFP o Estado-Maior, poucas horas depois de uma visita do presidente francês ao país africano.

Os bombardeios, no norte de Kidal e na região de Tesalit, tinha, como alvos "depósitos logísticos e centros de treinamento" dos grupos islamitas armados, afirmou o porta-voz do Estado-Maior do exército francês, o coronel Thierry Burkhard.

Hollande, que foi recebido no sábado como um libertador em Bamako e Timbuktu, destacou que a França "não terminou sua missão" no Mali, onde os grupos "terroristas" ainda não foram vencidos.

A intervenção militar francesa começou em 11 de janeiro, quando os islamistas que ocupavam o norte do Mali desde março de 2012 começaram a avançar para o sul. As forças malinenses e francesas retomaram no fim de semana passado, sem oposição, várias localidades do norte que estavam nas mãos dos islamistas, entre elas Gao e Timbuktu.

  • Espalhe por aí:
X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log