R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Internacional/Notícias

Icone de Internacional Internacional

R7
publicado em 03/03/2010 às 08h50:

Chile conta 799 mortes em
meio a críticas ao governo

Presidente eleito Sebastián Piñera disse que autoridades devem se antecipar aos problemas

Do R7, com agências internacionais

O número de mortes provocadas pelo terremoto e tsunami que atingiram o Chile no último sábado (27) chegou a 799, de acordo com a Onemi (Oficina Nacional de Emergências), órgão oficial que coordena os esforços de resgate no país.

Ao mesmo tempo, o governo da presidente do Chile, Michelle Bachelet, enfrenta críticas por sua condução do caso, muitas das quais envolvem a atuação oficial em relação ao tsunami gerado pelo tremor.

O enviado do Jornal da Record ao Chile, Luiz Carlos Azenha, comentou que muitas das pessoas que correram para as montanhas para se salvar de uma possível onda gigante voltaram para suas casas após ouvir que tinham de manter a calma e que o perigo já havia passado. E o tsunami acabou provocando a morte deles.

 



Sebastián Piñera, presidente eleito do país, evitou críticas diretas ao governo. Mas ao comentar o outro ponto que tem sido alvo de críticas – a condução da segurança em áreas como Concepción -, afirmou, de acordo com o jornal chileno La Tercera:

- O que um governo deve fazer é se antecipar aos problemas.

Piñera disse que agora se avalia estender o estado de emergência a outras cidades afetadas. Nesta terça-feira (2), Bachelet determinou o envio de 14 mil militares para as regiões mais atingidas. Eles passaram a conter saques e aprisionar quem desrespeita a lei.

O toque de recolher acabou deixando as pessoas com apenas seis horas úteis em Concepción. Terminado às 12h, ele foi reiniciado às 18h.

Resgates trazem esperança

Equipes do Corpo de Bombeiros resgataram com vida 79 pessoas que estavam presas em um edifício na cidade de Concepción nesta terça-feira.

No começo, temia-se que cem pessoas tivessem morrido no prédio, que após o terremoto ficou reduzido a um bloco de cimento de altura equivalente a três andares.

O chefe da equipe de bombeiros, Juan Carlos Subercaseaux, disse à imprensa que foram encontrados sete corpos entre os escombros do Alto Río, nome do prédio localizado no centro da cidade. 

Os bombeiros responsáveis pelo resgate trabalharam várias semanas no Haiti após o terremoto de 12 de janeiro e começaram a agir em Concepción no dia seguinte à catástrofe.

Veja Relacionados:  chile, morte, terremoto, tsunami, bachelet, piñera
chile  morte  terremoto  tsunami  bachelet  piñera 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping