R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Internacional/Notícias

Icone de Internacional Internacional

publicado em 23/05/2011 às 07h20: atualizado em: 23/05/2011 às 07h35

Cinzas de vulcão islandês podem
chegar ao Reino Unido nesta terça

Capital Reykjavik já foi afetada e há previsões de que fenômeno chegue à Irlanda e Rússia

Do R7


Publicidade

As cinzas do vulcão islandês Grimsvötn estão se espalhando em direção ao Reino Unido e devem afetar o espaço britânico nesta terça-feira (24), apontam previsões divulgadas na imprensa local.

Veja imagens do vulcão islandês

O vulcão, que entrou em erupção neste sábado (21), continua expelindo cinzas nesta segunda-feira (23) e o fenômeno já afeta a capital islandesa Reykjavik, a 400 km da cratera. Segundo o jornal The Telegraph, as cinzas chegarão ao leste da Irlanda e ao nordeste da Rússia até o fim do dia.

O espaço aéreo sobre a Islândia - um ponto importante de rotas transatlânticas - e o principal aeroporto do país vão permanecer fechados durante toda esta segunda, já que as condições não melhoraram durante a noite.

Funcionários na França advertiram que os voos deveriam ser cancelados se as nuvens atingirem a Europa. O secretário de transportes do país, Thierry Mariani, afirmou que, com certeza, o continente será afetado e os voos serão cancelados.

A instabilidade no espaço aéreo europeu acontece no momento em que o presidente americano, Barack Obama, faz uma viagem de seis dias pela Irlanda, Reino Unido, França e Polônia – países aonde as cinzas do vulcão Grimsvötn devem chegar, segundo previsões.

No Brasil, os voos desta manhã de chegada e partida que envolvem destinos europeus mantiveram seus horários programados e não houve nenhum cancelamento, de acordo com o site da Infraero.

Apesar da situação, o organismo europeu de segurança aérea, Eurocontrol, informou que o espaço aéreo da Europa não será fechado, mesmo parcialmente, ao menos por enquanto.

Erupção relembra caos aéreo do ano passado

A erupção do Grimsvötn lembra o que aconteceu ano passado quando as cinzas do Eyjafallajokull paralisaram o céu europeu e deixaram 3 milhões de passageiros presos em aeroportos.

O geofísico Einar Kjartansson, do Instituto Meteorológico islandês, disse à agência de notícias France Presse que a nuvem de cinzas chega a 10 km de altura.

- O Grimsvötn continua em atividade e, apesar da potência da erupção ser inferior a de ontem (domingo) pela manhã, é comparável a da noite passada, com a nuvem de cinzas chegando a 10 km de altura.

Para o especialista, a erupção pode durar uma semana ou duas, mas ele destacou que é impossível fazer previsões realistas.

- Os meteorologistas afirmam que as cinzas podem seguir para a Europa durante a semana, mas não é mais que uma possibilidade, não é garantido.


Veja Relacionados:  vulcão, islândia, Reino Unido, europa, espaço aéreo
vulcão  islândia  Reino Unido  europa  espaço aéreo 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping