R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Internacional/Notícias

Icone de Internacional Internacional

publicado em 25/11/2009 às 12h26:

Há 25 anos Uruguai retomava democracia

Eleição de Julio María Sanguinetti deu fim a mais de dez anos de ditadura

Lucas Bessel, do R7

A retomada da democracia no Uruguai após a ditadura militar completa 25 anos nesta quarta-feira (25).

Em 25 de novembro de 1984, o povo uruguaio elegeu Julio María Sanguinetti, do Partido Colorado, e colocou fim à ditadura militar iniciada com um golpe de Estado em 1973.

Sanguinetti tomou posse em 1º de março de 1985. Seu governo foi marcado pela forte retomada do sistema partidário no país e pela readaptação das estruturas governamentais à democracia.

Para Pablo Mieres, diretor da faculdade de Ciências Sociais da Universidade Católica do Uruguai, em Montevidéu, o primeiro governo democrático pós-ditadura representou uma transição importante:

- É claro que houve falhas, mas não se pode negar que o Uruguai consolidou suas estruturas democráticas, baseadas em partidos fortes.

Mieres afirma, no entanto, que a consolidação da democracia é um processo que ainda não terminou no país:

- Trata-se de uma construção que não para. Antes do golpe, o Uruguai era um país com forte vocação democrática, e mesmo assim caímos em uma ditadura militar.

O professor Paulo Edgar Resende, da PUC-SP, concorda, e diz que o país está um passo a frente do Brasil no que diz respeito à democracia:

- No Uruguai não houve anistia ampla e irrestrita aos torturadores da ditadura militar, ao contrário do que ocorreu no Brasil.

Para Resende, o governo de Sanguinetti trouxe a reinstitucionalização democrática perdida pelos países da América do Sul durante as ditaduras militares.

Eleições

No próximo dia 29, o Uruguai realiza o segundo turno das eleições presidenciais.

Estão na disputa o candidato governista da Frente Ampla, José Mujica, que obteve 47,49% dos votos no primeiro turno, e o oposicionista Luis Lacalle, do Partido Nacional, que conquistou 28,53% do eleitorado.

Veja Relacionados:  uruguai, ditadura, democracia, eleições
uruguai  ditadura  democracia  eleições 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping