R7 - Notícias

Buscar no site
Eu quero um e-mail @R7
Esqueci minha senha

27 de Maio de 2016

Você está aqui: Página Inicial/Notícias/Internacional/Notícias

Icone de Internacional Internacional

Arte/R7
publicado em 07/03/2010 às 16h07:

Saqueadores devolvem bens
no valor de R$ 3,6 milhões no Chile

Muitos aproveitaram o caos pós-terremoto para furtar moradias e o comércio

AFP

Saqueadores que agiram após o terremoto e a tsunami de 27 de fevereiro no Chile devolveram objetos avaliados em cerca de 1 bilhão de pesos (R$ 3,6 milhões). O valor foi informado neste domingo (7) pela presidente Michelle Bachelet, na cidade Concepción, a mais atingida pela tragédia.

- Esses saques não têm nada a ver com a sobrevivência (..), são promovidos por pessoas que tentam lucrar em meio à dor. Há pessoas indignadas porque alguns estavam vendendo estes objetos. Os bens estão avaliados em 1 bilhão de pesos [R$ 3,6 milhões].

Bachelet fez essas declarações depois de percorrer um ginásio municipal onde centenas de televisores, máquinas de lavar, mesas, cadeiras, sofás e outros objetos foram depositados.

Cerca de cem pessoas foram presas em diferentes operações, disse a presidente. Grande parte em Concepción, a 500 km ao sul de Santiago, uma das regiões mais castigadas pelo fenômeno que deixou mais de 800 mortos e desaparecidos.

Saqueadores da cidade de Concepción, no sul do Chile, devolviam neste domingo objetos roubados de casas e lojas há uma semana, depois que a polícia ameaçou prender as pessoas que tivessem participado dos saques.

 
Veja Relacionados:  chile, terremoto
chile  terremoto 
 
Espalhe por aí:
  • RSS
  • Flickr
  • Delicious
  • Twitter
  • Digg
  • Netvibes
  • Facebook
  • Google
 
 
 
 

Fechar
Comunicar Erro

Preencha os campos abaixo para informar o R7 sobre os erros encontrados nas nossas reportagens.

Para resolver dúvidas ou tratar de outros assuntos, entre em contato usando o Fale Com o R7
Mensagem enviada com Sucesso!Erro ao enviar mensagem, tente novamente!

 

 


Shopping