Internacional

23/12/2012 às 11h39 (Atualizado em 23/12/2012 às 11h39)

Oposição egípcia denúncia fraude no referendo constitucional

EFE

Cairo, 23 dez (EFE).- A Frente de Salvação Nacional (FSN), que agrupa grande parte da oposição não islâmica egípcia, denunciou neste domingo a ocorrência de uma fraude no referendo constitucional realizado no país. Em entrevista coletiva no Cairo, vários dirigentes da coalizão asseguraram que impugnarão os resultados, que segundo a Irmandade Muçulmana dão vitória ao "sim" com 64% dos votos, embora os números oficiais ainda não tenham sido divulgados. A FSN considera que o resultado positivo para o projeto de Carta Magna se deve às "fraudes, violações e irregularidades detectadas" durante as votações. A coalizão informou que as irregularidades foram apresentadas para a Procuradoria Geral e que tentará alterar a Constituição por meios "democráticos". "O referendo não é o fim do caminho, mas só uma das batalhas sobre o futuro do Egito ou para mudar sua identidade e voltar à opressão", disse a FSN por meio de um comunicado lido durante a entrevista. Durante a coletiva, ex-candidato presidencial esquerdista Hamdin Sabahi anunciou que a oposição vai continuar sua "luta pacífica para conseguir a queda da Constituição". Por sua parte, o dirigente comunista Abdel Ghafar Shokr opinou que devido às irregularidades que impediram muitos eleitores de votar a justiça deve anular o plebiscito. Na mesma linha, o presidente do partido esquerdista Tagamu, Refat al Said, disse que "a Constituição é inválida" e que sua votação foi "falsificada". "Continuaremos nossa luta contra este papel chamado Constituição para impedir que ela seja utilizada contra o bem do povo e contra a democracia", protestou Said. A Frente de Salvação Nacional defendeu o "não" no referendo pois considera que a redação da Constituição foi monopolizada pelos islamitas e que o texto não engloba direitos e liberdades, além de permitir uma interpretação religiosa da lei. EFE mv-hh/dk
  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade
Compartilhe
Homem das cavernas

Iraniano não toma banho há 60 anos e usa pedaço de cano como cachimbo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Imagens do ano

Entre sorrisos e lágrimas: veja as imagens mais emocionantes de 2013

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Desumano

Menino de 11 anos vive acorrentado como cachorro pela família na China

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Perturbador

Crimes brutais chocaram o mundo em 2013. Veja os casos mais macabros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Internacional

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!